Descrição de chapéu Diplomacia Brasileira

Israel aprova indicação de general para embaixada do Brasil em Tel Aviv

Nome de Gerson Menandro Garcia de Freitas ainda precisa ser chancelado no plenário do Senado

Brasília

O governo israelense aprovou nesta segunda-feira (24) a indicação do general Gerson Menandro Garcia de Freitas para assumir a embaixada do Brasil em Tel Aviv.

A concessão do agrément foi confirmada pelo Itamaraty. O agrément é o nome usado pela diplomacia para o consentimento de um Estado para que um diplomata estrangeiro seja nomeado para ocupar funções em seu território.

Para ser oficializado como embaixador, seu nome ainda precisa ser aprovado no plenário do Senado.

O general Gerson Menandro Garcia de Freitas em solenidade em Brasília
O general Gerson Menandro Garcia de Freitas em solenidade em Brasília - Marcello Casal Jr - 26.jul.12/ABr

Garcia foi o escolhido pelo presidente Jair Bolsonaro para substituir o embaixador Paulo Cesar Meira de Vasconcellos, diplomata que já foi chamado pelo capitão reformado de “petista”.

 

Por trás da decisão de Bolsonaro está sua intenção de transferir a embaixada brasileira de Tel Aviv para Jerusalém, contrariando a tradição de aguardar uma decisão final da ONU sobre o status da cidade —disputada por israelenses e palestinos.

Vasconcellos seria contrário à ideia, segundo bolsonaristas, embora nunca tenha se pronunciado sobre o tema.

O presidente defende a mudança, mas recuou após ameaça de boicote ao setor agropecuário por parte de países árabes, para os quais Jerusalém é a capital do estado ainda inexistente da Palestina.

Garcia já foi coordenador de Relações Governamentais da Apex-Brasil e comandante do Comando Militar do Oeste, chefe de operações conjuntas do Ministério da Defesa.

Também serviu em Mato Grosso do Sul como oficial de Operações do 47º Batalhão de Infantaria.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.