Descrição de chapéu Eleições EUA 2020

Amy Klobuchar desiste de candidatura democrata e apoia Biden

Em evento em Dallas, Pete Buttigieg confirma apoio ao ex-vice-presidente após ter deixado corrida

Reuters

A senadora moderada Amy Klobuchar, 59, desistiu da corrida presidencial democrata nos Estados Unidos e anunciou apoio a candidatura do ex-vice-presidente Joe Biden —que também recebeu a bênção de outro ex-pré-candidato da sigla, Pete Buttigieg.   

O duplo apoio confirma o fortalecimento de Biden como principal representante da ala moderada do partido na disputa com o senador Bernie Sanderes, principal nome da ala mais a esquerda, pela nomeação democrata para a eleição presidencial de novembro. 

Pete Buttigieg  anuncia apoio a Joe Biden durante comício em Dallas, no Texas
Pete Buttigieg anuncia apoio a Joe Biden durante comício em Dallas, no Texas - Elizabeth Frantz/Reuters

Ex-prefeito da cidade de South Bend (no estado de Indiana), Buttigieg anunciou durante um comício de Biden em Dallas na noite desta segunda (2) o apoio ao ex-vice-presidente. Ele abandonou a corrida democrata no domingo (1º), após um resultado ruim nas primárias da Carolina do Sul. 

Biden agradeceu o apoio e disse que o agora aliado lembra seu filho Beau —que morreu em 2015 em decorrência de um tumor no cerébro.  

Pouco depois, foi a vez de Klobuchar subir ao palco em Dallas para apoiar Biden esta noite, véspera da Super Terça —quando 14 estados realizarão votações das prévias ao mesmo tempo.

O melhor resultado da senadora na disputa até agora foi em New Hampshire, onde ficou em terceiro lugar.

Segundo o jornal The New York Times, outro ex-pré-candidato, Beto O'Rourke, também deverá comparecer ao evento para anunciar apoio ao ex-vice de Barack Obama.

Ex-deputado pelo Texas, ele deixou a disputa em novembro e até o momento não tinha se manifestado a favor de nenhum candidato.   

A senadora Amy Klobuchar em evento de campanha na Carolina do Norte
A senadora Amy Klobuchar em evento de campanha na Carolina do Norte - Lucas Jackson /Reuters

Com a desistência de Klobuchar e Buttigieg, restam cinco nomes na disputa para quem enfrentará o republicano Donald Trump: Bernie Sanders, Joe Biden, Elizabeth Warren, Tulsi Gabbard e Michael Bloomberg. 

Primeira mulher a ocupar o cargo de senadora pelo estado de Minnesota, Klobuchar cultiva uma persona acessível, tendo lançado um livro de memórias intitulado "The Senator Next Door" (uma senadora comum).

Sua família é de origem eslovena, e ela frequentou a Universidade de Yale, que formou três presidentes dos EUA. 

Foi acusada de maltratar seus funcionários, que a descreveram para sites de notícia como “habitualmente humilhante” e “propensa a explosões de crueldade” no trabalho.

Entre suas promessas de campanha estavam recolocar os EUA no Acordo de Paris e no tratado nuclear com o Irã, além de proteger os “dreamers”, imigrantes jovens sem documentos levados aos EUA quando crianças, de deportação.

Também é a favor de legislação restritiva para armas de fogo e propõe um plano para que todos os domicílios do país tenham acesso à internet até 2022.

Grande vencedor das prévias na Carolina do Sul, Biden avança para a Super Terça com força para disputar a liderança com o socialista Bernie Sanders, que ganhou em Nevada e em New Hampshire e terminou virtualmente empatado com Buttigieg em Iowa.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.