Descrição de chapéu Governo Trump

Trump anuncia adiamento da reunião do G7 para setembro

Presidente americano diz que vai convidar Índia, Austrália, Rússia e Coreia do Sul para encontro

A bordo do Air Force One

O presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou neste sábado (30) que vai adiar até setembro a reunião do G7, que estava programada para junho.

O G7 é o grupo dos países mais industrializados do mundo, composto por Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Itália, Japão e Reino Unido.

O presidente Donald Trump discursa após lançamento da SpaceX Falcon 9 no Cabo Canaveral, na Flórida
O presidente Donald Trump discursa após lançamento da SpaceX Falcon 9 no Cabo Canaveral, na Flórida - Mandel Ngan/AFP

A repórteres dentro do Air Force One, o avião presidencial, Trump afirmou que gostaria de convidar Austrália, Rússia, Coreia do Sul e Índia para a reunião.

"Eu não acho que o G7, como é hoje, representa de forma apropriada o que está acontecendo no mundo. É um grupo de países muito ultrapassado", disse Trump.

O líder americano voltava da cerimônia de lançamento da SpaceX no Cabo Canaveral, na Flórida.

Trump já havia anunciado o cancelamento do encontro, que seria realizado em Camp David entre 10 e 12 de junho.

Mas, na semana passada, mudou de ideia e disse que cogitava a realização de uma reunião presencial porque seria "um ótimo sinal para todos" de que a situação está voltando ao normal em meio à pandemia.

No sábado (30) pela manhã, a chanceler alemã, Angela Merkel, afirmou que não participaria de um encontro presencial do G7 caso Trump decidisse realizá-lo, a menos que houvesse mudanças no ritmo de disseminação do coronavírus até lá.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.