Marinheiro desaparecido é encontrado agarrado a barco a 138 km da costa dos EUA

Stuart Bee ficou horas preso a área da embarcação que estava para fora da água

São Paulo | UOL

Um marinheiro que havia sido dado como desaparecido pela família no último sábado (28) foi encontrado agarrado ao casco de um barco naufragado a 138 quilômetros da costa da Flórida, nos EUA.

Stuart Bee, 62, foi localizado à deriva pela tripulação de um navio com contêineres e não teve nenhum ferimento.

De acordo com o site da ABC News, a suboficial da Guarda Costeira Veronica Dunn-Depretis afirmou que, quando o homem foi encontrado, ele segurava o casco do barco que saía da água, por cerca de 1 metro. "Ele estava se agarrando a isso quando o encontraram e o puxaram para cima em seu navio", disse.

Homem nada em direção a uma boia após ser encontrado agarrado a barco naufragado
O marinheiro Stuart Bee, de 62 anos, passou horas agarrado a uma parte do seu barco que não havia naufragado na Flórida - U.S. Coast Guard Southeast no Facebook

Segundo a suboficial, o marinheiro saiu com o barco do Porto Canaveral na sexta-feira (27) à noite e planejava ficar no mar por várias horas. Mas, no sábado, quando ele não voltou, a família acionou a Guarda Costeira. A busca foi iniciada imediatamente, e uma mensagem de emergência foi transmitida por rádio para navios comerciais informando o desaparecimento.

A Guarda Costeira afirmou que durante a madrugada a água começou a entrar na cabine do barco de 9 metros, que afundou. O homem se agarrou, então, à parte que estava para fora da água e ficou à espera de outra embarcação. Assim que viu o navio com contêineres se aproximando, acenou para chamar a atenção da tripulação.

Os tripulantes o viram, avisaram o capitão, que aproximou o navio de onde estava Bee, e jogaram uma boia para auxiliar no resgaste. O marinheiro nadou até o navio, subiu as escadas laterais e foi recebido por tripulantes.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.