Bolsonaro não tem presença confirmada no Fórum Econômico Mundial de 2021

Post engana ao afirmar que presidente será estrela do evento; lista de convidados ainda não foi divulgada e Palácio do Planalto não confirma presença

São Paulo

É enganosa uma publicação afirmando que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) já teria sido escolhido como a estrela principal do próximo encontro do Fórum Econômico Mundial, na Suíça.

No Facebook, uma postagem verificada pelo Comprova afirma que ele terá “uma mesa só dele, para receber autoridades e investidores do mundo todo”, mas, procurada, a organização do Fórum disse que a lista dos convidados para a edição 2021 do evento ainda não foi divulgada. O Palácio do Planalto também foi contatado pela reportagem e disse que ainda não há confirmação da presença de Bolsonaro no evento.

O presidente Jair Bolsonaro discursa no Fórum Econômico Mundial de 2019. Atrás dele, um painel azul em que aparecem quatro inscrições "World Economic Forum"
O presidente Jair Bolsonaro discursa no Fórum Econômico Mundial, em Davos, em 2019 - Fabrice Coffrini - 22.jan.2019/AFP

A imagem verificada foi publicada no Facebook no dia 25 de novembro. Originalmente, ela foi postada no Instagram, em 2019, um momento em que, de fato, o presidente do Brasil era um dos expoentes do evento em Davos, na Suíça. Isso indica que o conteúdo foi retirado de contexto para afirmar que Bolsonaro desfruta de grande prestígio internacional.

Próxima edição

Em 2021, por causa da pandemia do novo coronavírus, a expectativa é de que o encontro presencial seja realizado entre os dias 18 e 21 de maio, na comuna de Lucerna, na Suíça. Em janeiro, líderes globais vão participar de um debate virtual para discutir as perspectivas para o ano.

A reportagem entrou em contato com a assessoria do Fórum Econômico Mundial para confirmar se a lista de convidados do evento presencial já havia sido decidida. Por e-mail, o Fórum respondeu que, “como a lista de participantes da reunião anual de 2021 ainda não foi publicada –e será disponibilizada duas semanas antes do evento–, não é possível confirmar as afirmações da postagem.”

Também por e-mail, a Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom), que responde sobre a agenda e compromissos do presidente Jair Bolsonaro, declarou que “não há confirmação sobre a participação do presidente Jair Bolsonaro no Fórum Econômico Mundial 2021”.

Verificação

O Projeto Comprova está em sua terceira fase, que foca na investigação de conteúdos relacionados à pandemia, às eleições municipais de 2020 e em políticas públicas do governo federal.

O conteúdo verificado foi tirado de seu contexto original para passar a ideia de que o governo brasileiro desfruta de prestígio internacional atualmente, mas ignora que ele vem sendo criticado por veículos de mídia de outros países e por outros chefes de executivo –sobretudo pelas ações realizadas durante a pandemia e pela política ambiental adotada pelo governo federal.

A postagem verificada teve mais de 4 mil interações no Facebook até o dia 30 de novembro.

Enganoso, para o Comprova, é o conteúdo retirado do contexto original e usado em outro de modo que seu significado sofra alterações.

A investigação desse conteúdo foi feita por BandNews e Alma Preta e publicada na terça-feira (1) pelo Projeto Comprova, coalizão que reúne 28 veículos na checagem de conteúdos sobre coronavírus e políticas públicas. Foi verificada por UOL, GZH, Rádio Noroeste, Correio, Jornal do Commercio, Niara, O Povo, NSC, Estadão e Poder360.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.