Descrição de chapéu Coronavírus

'Loteria da vacina' dá prêmios milionários para incentivar imunização na Polônia

Dinheiro irá tanto para cidadãos vacinados quanto para cidades que atingirem as maiores taxas de inoculação

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Bruxelas

Quanto vale a vacinação? Na Polônia, pode valer até 2 milhões de zlotys (quase R$ 3 milhões) para o município que atingir a maior taxa de vacinação no país e 1 milhão de zlotys (cerca de R$ 1,45 milhão) para as duas pessoas que tirarem os bilhetes certos na “loteria da vacina” —para concorrer, é preciso estar com as defesas anti-Covid-19 em dia.

Os prêmios são uma estratégia do governo para acelerar sua campanha de vacinação, que até esta quinta (27) tinha inoculado as duas doses em 19,5% da população. Outros 22,8% receberam a primeira injeção, segundo dados do centro de controle de doenças europeu. Dos 30 países monitorados, a Polônia é o 15º.

Na loteria, além do prêmio principal, haverá dois sorteios de cerca de R$ 145 mil por mês, e 2.000 pessoas podem receber o equivalente a R$ 750 —cada imunizado pode participar quatro vezes. Um carro híbrido, scooters elétricos, vale-combustível e vale-seguro também estão entre as prendas sorteadas.

Para as administrações municipais, além do grande prêmio, há 49 cotas de 1 milhão de zlotys para a cidade que liderar a taxa de vacinação em sua região, e os 500 primeiros municípios que inocularem 75% de sua população vão receber 100 mil zlotyz (cerca de R$ 143 mil). A Polônia tem 2.478 municipalidades.

Dependendo de seu tamanho, a prefeitura pode pedir também verbas que variam de 10 mil a 40 mil zlotys (de R$ 15 mil a R$ 60 mil) para ações voltadas aos idosos.

A loteria e os prêmios vão custar ao governo o equivalente a R$ 200 milhões, segundo o responsável pela vacinação no país, Michał Dworczyk. “É muito dinheiro, mas é dinheiro para lidar com a pandemia o mais rápido possível. Acreditamos que vai aumentar o interesse pela vacinação”, afirmou.

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.