Descrição de chapéu família real britânica

Rainha Elizabeth 2ª vai a evento hípico após perder abertura do Parlamento

Britânica de 96 anos foi fotografada sorridente; ela tem aparecido pouco em público devido a problemas de mobilidade

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Londres | AFP

A rainha Elizabeth 2ª apareceu sorrindo, nesta sexta-feira (13), em uma competição equestre em Windsor, em imagens divulgadas na tentativa de dissipar as preocupações sobre seu estado de saúde poucos dias depois de ela ter sido substituída por seu filho Charles em um evento parlamentar.

Apaixonada por cavalos, a rainha, de 96 anos, foi fotografada ao chegar de carro ao Royal Windsor Horse Show, perto do castelo de Windsor. A propriedade, na qual a chefe da coroa está baseada desde o início da pandemia de Covid-19, fica cerca de 40 km a oeste de Londres.

A rainha Elizabeth no reflexo do espelho do carro no evento hípico em Windsor - Toby Melville/Reuters

De óculos escuros, ela apareceu sentada no banco da frente de um Range Rover. Da janela abaixada do veículo, foi vista trocando algumas palavras com um pequeno grupo de pessoas.

Vários dos cavalos da rainha participam da competição.

Devido a problemas de mobilidade e seguindo os conselhos de seus médicos, Elizabeth abriu mão, na terça-feira (10), de fazer o tradicional "discurso do trono", que marca, todos os anos, o início de uma nova sessão parlamentar.

É a terceira vez que ela se ausenta desse evento em seus 70 anos de reinado e a primeira em que é substituída por Charles, príncipe herdeiro de 73 anos. Assim, deu-se mais um passo na transição progressiva das funções monárquicas.

Nos últimos meses, as aparições públicas da rainha se tornaram mais raras. Em algumas dessas ocasiões, Elizabeth foi vista andando de bengala e queixando-se de que é difícil se locomover. Segundo a imprensa britânica, ela usa cadeira de rodas na vida privada.

Sua saúde tem despertado maior preocupação desde outubro, quando ela passou uma noite hospitalizada para realizar exames não especificados. Em fevereiro, foi infectada pelo coronavírus —que, em suas palavras, a deixou "muito cansada".

A última aparição em público da rainha havia sido em 29 de março, por ocasião de uma missa em Londres em homenagem a seu marido, o príncipe Philip, que morreu em 2021, aos 99 anos.

A ausência no discurso do trono levantou dúvidas sobre a participação da chefe da coroa, no início de junho, das celebrações do "jubileu de platina" por seus 70 anos de reinado, recorde para um monarca britânico.

Segundo uma pesquisa do instituto YouGov feita para o jornal The Times, um terço dos britânicos acha que ela deveria se aposentar.

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Leia tudo sobre o tema e siga:

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.