'Reportagem sobre ministério de Bolsonaro é tendenciosa', diz leitor

Não haverá representante nascido no Norte ou Nordeste no primeiro escalão no dia da posse

Equipe de governo

Incrivelmente tendenciosa a reportagem “Pela 1ª vez, ministério que tomará posse exclui o Nordeste e o Norte”, que já começa apontando a quantidade de votos do presidente eleito no Nordeste/Norte. O local de nascimento de qualquer pessoa não deve ser vinculado ao perfil e à capacidade técnica de um indivíduo. Isso me parece preconceituoso e deselegante com quem foi convocado.
Adauto Levi Cardoso (Sorocaba ,SP)

 

Qual a novidade? Jair Bolsonaro foi eleito para isso mesmo: governar em prol da elite econômica do país. Os representantes dessa alta classe devem estar em seu governo. Quem votou nele não pode ficar surpreso. Os 13 milhões de eleitores de Bolsonaro do Norte/Nordeste votaram sem saber?
Camila Lopes (São Paulo, SP)


Supremo
O fato de o Judiciário ser moroso ou de o processo permitir recursos excessivos até que se chegue à decisão final não justifica o descumprimento da Constituição, que é clara quanto à presunção de inocência. A função do STF (Supremo Tribunal Federal) não é a de legislar, mas apenas de guardá-la. Parabéns ao ministro Marco Aurélio Melo, que é um dos poucos defensores da Carta Magna (“A liminar de Marco Aurélio”, de Hélio Schwartsman).
Maria Tereza Castro (Campinas, SP)

O ministro Marco Aurélio Mello, do STF - Pedro Ladeira/Folhapress

 

Os ministros do STF podem, a todo momento, mudar as regras do jogo? Já pensaram na tal segurança jurídica de suas decisões?
Luciano Nogueira Marmontel (Pouso Alegre, MG)

 

O ministro Marco Aurélio declarou  que o STF vive tempos estranhos. Concordo, mas quem faz os tempos estranhos é ele mais Gilmar Mendes e Ricardo Levandowski.
Iria de Sá Dodde (Rio de Janeiro)


Sistema S
Eu me formei no Sesi de Ribeirão Pires (SP). Enquanto eu participava das aulas, lembro de colegas que estudavam na rede pública e se deparavam com sérios problemas, como greves e falta de infraestrutura. Não concordo com o desmantelamento do Sistema S, mas minha visão é passional, pois fui beneficiado. O que seria mais condizente é pressioná-lo por melhores práticas de transparência e coibir seu uso para fins políticos.
André Bicudo Larrubia (São Paulo, SP)

 

O Sistema S é uma das poucas coisas que funcionam muito bem neste país, sobretudo o Sesc, que, com sua excelente infraestrutura e ampla programação cultural, atrai frequentadores assíduos de todas as idades e faixas de renda. Com um pouco de bom senso, dá para concluir que pôr o Sistema S em segundo plano é comprar briga com grande parte da população (“Que Bolsonaro modernize Guedes”, de Reinaldo Azevedo). 
Ricardo Joaquim Barbosa (São Paulo, SP)


Brasil X França
Após um breve período de calmaria, Jair Bolsonaro volta ao discurso de ódio e intolerância. Está de novo em campanha, porque vê claramente que não consegue dar respostas aos problemas do Brasil e quer criar uma cortina de fumaça para os desmandos dos filhos. Por um breve, muito breve momento, até senti um pouco de esperança, mas as declarações e a escolha do ministério já turvaram essa esperança.
Wilson Filho Moura (São Paulo, SP)



Ex-assessor de Flávio Bolsonaro
Se um ex-presidente da República, que sempre se pôs à disposição da Justiça, foi conduzido coercitivamente para depor, por que Fabrício Queiroz está sendo deixado tão à vontade?
Marcelo Silva (Ilhabela, SP)


Futura ministra
Parabéns, Damares Alves, por trazer a público a dor e o sofrimento passados na infância (“‘O pastor ia ao meu quarto para me estuprar’”). Fui uns dos que só viram uma senhora “fanática” e sem condições de assumir um ministério no novo governo. Agora, acredito que saberá conduzi-lo de forma correta e competente, pois traz as cicatrizes de alguém que foi duplamente humilhada, como criança e mulher. Que as leis contra pedófilos e estupradores sejam cada vez mais rigorosas.
Marco Antonio Moreira Simião 
(São Paulo, SP)

 

Sou contra qualquer tipo de violência: nesse aspecto solidarizo-me com a futura ministra da Mulher, Damares Alves, e todas as outras vítimas de abusos sexuais/estupros. Entretanto, ainda não li, até agora, qualquer informação que a qualifique para o cargo que ocupará. O pior de tudo é atrelar educação à Bíblia. Lamento por seu sofrimento e lamento, ainda mais, por sua postura profissional.
Washington Luiz Valero Fernandes 
(São Paulo, SP)


Ensino técnico
Gostei do texto e das ideias (“Ensino técnico ou superior”, de Claudia Costin). Não faz sentido forçar alunos a entrar numa universidade sem que estejam preparados ou que desejem isso. O que vem ocorrendo nos últimos anos é a transferência de responsabilidade, por um segundo grau de terceira categoria, para que as faculdades resolvam o problema.
Carlos Rogério de Mello (Lavras, MG)


Calote de Cuba
O cidadão de bem espera que seja encontrada uma solução jurídica para que os milhões de dólares/reais sejam devolvidos ao Brasil, já que se trata de uma obrigação assumida por Cuba, afiançada pelos não menos enganadores do sofrido povo brasileiro (“Cuba da calote de US$ 6 milhões no BNDES, e Tesouro vai bancar a conta”).
Geraldo Beire Simões (Rio de Janeiro, RJ)


Boas-festas
A Folha agradece e retribui os votos de boas festas recebidos da Audi do Brasil, da Aberje (Associação Brasileira de Comunicação Empresarial), da Abav (Associação Brasileira de Agências de Viagens), de Cassio dos Santos Clemente e Aracélia Lúcia Costa, presidente do Conselho de Administração e superintendente-geral, respectivamente, da Apae de São Paulo, da Editora Estação Liberdade, de Antonio Bernardo, de Riedel de Figueiredo e Advogados Associados, do Cietec e de Manfredo Jimenez Chavez (Campinas, SP).


PARTICIPAÇÃO

Os leitores podem colaborar com o conteúdo da Folha enviando notícias, fotos e vídeos (de acontecimentos ou comentários) que sejam relevantes no Brasil e no mundo. Para isso, basta acessar Envie sua Notícia ou enviar mensagem para leitor@grupofolha.com.br.​

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.