Descrição de chapéu racismo desmatamento

Leitores comentam a prisão do prefeito Marcelo Crivella

Deputada ameaçada, assédio na Alesp e desmatamento também são temas abordados por leitores da Folha

Prisão de Crivella
A prisão de Marcelo Crivella é mais uma luz que se acende contra a corrupção nesse país (“Prefeito Marcelo Crivella é preso em casa no Rio”, Cotidiano, 22/12). Não se pode ficar feliz com a desgraça dos outros, porém, para homem público que pratica bandidagem, cadeia nele. Que se espalhe essa chama não apenas nas capitais mas também nas cidades pequenas e médias.
Roberto Didier Oliveira (Recife, PE)

O prefeito Marcelo Crivella chega à Cidade da Polícia, no Rio, após ser preso acusado de integrar esquema de cobrança de propina
O prefeito Marcelo Crivella chega à Cidade da Polícia, no Rio, após ser preso acusado de integrar esquema de cobrança de propina - Reprodução/TV Globo

*

Desconheço figura na política brasileira mais abominável do que Crivella. Mas, ainda assim, vale a pergunta: por que uma prisão espetacular e pirotécnica faltando nove dias para o fim do mandato? Eu custo muito a crer que isso seja mera aplicação imparcial do direito. E isso me assusta bastante, pois justiça politizada não é justiça (e não faltam exemplos no Brasil, com e contra todos os campos ideológicos).
Thomas Bustamante (Belo Horizonte, MG)

*

Cadeia é pouco para este incompetente. Só pelos desserviços prestados à população do Rio merecia 30 anos de cadeia. Mas como incompetência não dá cadeia então que seja pelos crimes. Espero que venham outros na esteira.
Soraya Terezinha Colmenarez (Caxias do Sul, RS)

*

E pensar que o pior prefeito da história do Rio teve quase 40% de votos no segundo turno. O Rio está perdido. O carioca tem o dedo com o toque de Midas invertido.
Alberto Jodjahn Leite (Rio de Janeiro, RJ)


Deputada ameaçada
Quem diz que vivemos em uma democracia é porque não consegue mensurar a gravidade de um político de oposição ser obrigado a se esconder para não ser morto (“Ameaçada de morte, deputada enfrenta luto por Marielle e pela perda da própria liberdade”, Poder, 22/12). Para quem achava que viraríamos uma Venezuela, já estamos muito pior.
Guilherme Rodrigues (Rio de Janeiro, RJ)

*

Força, Talíria! Não esmoreça! Continue a combater, como Marielle. Os exploradores das comunidades da zona oeste do RJ. Milicianos sujos, imundos, com as mãos ensanguentados com o sangue de inocentes!
Noel Neves (Poços de Caldas, MG)

*

Lamentável esse tipo de ódio que ataca pessoas de diferentes representações políticas. Nosso presidente, por exemplo, sofreu atentado à faca, e todos os dias pessoas desejam a morte dele no Twitter. Devemos buscar um país em que a vida das pessoas não dependa da atuação de um político.
Manoel Neto (Pacatuba, Ceará)


Assédio na Alesp
Esses parlamentares deveriam tomar vergonha na cara e apoiarem a deputada no sentido de cassar o mandato de Fernando Cury. Só o vídeo já é mais do que suficiente para exigir a exclusão dele da Assembleia Legislativa (“Deputado pede substituição de Alex Madureira do Conselho de Ética após assédio na Alesp”, Painel, 22/12). Se isso não ocorrer, todos os parlamentares da casa serão considerados tão inescrupulosos e imorais quanto o assediador.
Mérope Bernacchi (São Paulo, SP)


Desmatamento
O que mais causa espanto e tristeza é o desinteresse e o silêncio dos brasileiros diante desse monstruoso processo de destruição e pilhagem das florestas do Brasil (“Operação da PF faz a maior apreensão de madeira da história”, Ambiente, 22/12)!
Augusto Jorge Pantoja da Silva (Belém, PA)

Toras de madeira nativa apreendidas durante a Operação Handroanthus GLO, da Polícia Federal, no oeste do Pará
Toras de madeira nativa apreendidas durante a Operação Handroanthus GLO, da Polícia Federal, no oeste do Pará - Polícia Federal/Divulgação

*

Está de parabéns a Polícia Federal. E as prisões dos bandidos? Não basta somente apreender a madeira.
Marcos Vinicio de Oliveira Ramos (Belo Horizonte, MG)


Trabalho escravo
Triste mesmo é saber que isso é mais comum do que imaginamos (“Mulher negra é resgatada em casa de família em MG em condições análogas à escravidão”, Mercado, 21/12). Aos patrões dessa moça, me desculpem, vocês tentam justificar o injustificável.
Rogerio Cerqueira (Diadema, SP)

*

E ainda tem gente que diz que não existe racismo no Brasil?!
Vanessa Da Silva Rondon (Rio de Janeiro, RJ)

*

Só com prisão e punição exemplar será possível sonhar que um dia acabará a exploração de um ser humano. Deviam ter divulgado a fotos dos malfeitores que se dizem professor.
João Batista de Junior (Mogi Mirim, SP)


Racismo
O racismo é crime e deve ser combatido e punido com rigor. E, mais do que nunca, deve ser revestido de provas irrefutáveis, apresentadas com isenção. “O suposto racismo não foi percebido por nenhum membro da equipe de arbitragem em campo”, relata a súmula da partida. Falsa denúncia também é crime (“Ramires e Mano são intimados a depor sobre o caso de racismo de Gerson”, Esporte, 21/12).
Maurílio Polizello Junior (Ribeirão Preto, SP)


Sebastião Salgado na Amazônia
Faz tempo que esse brilhante fotógrafo vem retratando a maior floresta existente no Brasil. Esplêndido presente da natureza. Quando jovem, a bordo dos aviões da Varig, trabalhando como comissário, sobrevoei a floresta várias vezes e pude apreciar a esplendorosa visão da Amazônia Legal Brasileira. É assustador o descaso de membros do atual governo e de brasileiros que pouco estão se importando em preservar esse tesouro natural.
Ricardo Pedreira Desio (São Paulo, SP)


Boas-Festas
A Folha agradece e retribui os votos de boas-festas recebidos de Arq.Futuro, Brasil 61, BrazilLAB, Comunique-se, Galeria Pontes, Lassu, Luciana Brito Galeria, MF Press Global, Pixel Show, Ricardo Patah, presidente da UGT (São Paulo, SP) e Unil (Universidade do Livro).

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.