Confira legenda vencedora de concurso sobre foto de Pazuello na CPI

A Folha agradece a participação de todos os leitores!

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

O ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello prestou depoimento na CPI da Covid na quarta-feira (19) e quinta-feira (20). Ele negou ter recebido ordens do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para cancelar acordo com o Instituto Butantan no período em que esteve à frente da pasta —embora vídeos da época mostrem o contrário. Por horas, ele tentou blindar Bolsonaro de responsabilidade pela situação da pandemia no Brasil.

Pazuello voltou a repetir que o STF (Supremo Tribunal Federal) limitou a atuação do governo federal —fato desmentido em diversas ocasiões desde o primeiro semestre de 2020— e insistiu que só foi avisado da falta de oxigênio em Manaus três dias antes do fato, contradizendo ofício produzido pelo próprio governo.

Uma imagem de Pazuello na CPI registrada pelo fotojornalista Sérgio Lima, da AFP, e utilizada pela Folha em suas plataformas digitais, chamou atenção nas redes sociais.

A foto mostra o ex-ministro com a máscara dobrada na região do nariz.

O ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello com a máscara no meio do rosto durante depoimento à CPI da Covid
O ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello com a máscara no meio do rosto durante depoimento à CPI da Covid - Sérgio Lima/AFP

A imagem, simbólica dessa CPI e pandemia, viralizou também nas redes da Folha. Por isso, abrimos uma nova edição do Concurso de Legendas e perguntamos que descrição o leitor daria para a foto. Uma comissão de jornalistas analisou dezenas de respostas e a grande vencedora foi:

Tá meio na cara!

Osvaldo Santos

Leitor

Obrigado a todos pela participação e até o próximo concurso de legendas!​

E, caso ainda não seja assinante, confira nossas ofertas em folha.com/assine.

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.