Descrição de chapéu Folha na Sala

A história da feminista que ousou ensinar ciências às meninas no século 19

Podcast fala sobre Nísia Floresta, professora que defendeu ensino para mulheres há quase dois séculos

São Paulo

No segundo episódio especial sobre grandes educadores, o Folha na Sala chega ao século 19 para contar a história de uma das primeiras feministas do Brasil: Nísia Floresta Brasileira Augusta.

Nascida em 1810, no Rio Grande do Norte, ela foi uma das primeiras pessoas a defender, em um período em que a educação era elitista e essencialmente masculina, que as mulheres também tivessem uma formação completa.

Por isso, em 1838, abriu uma escola para meninas que ensinava a ler, escrever e costurar, como era comum na época, mas também ciência, história, geografia e línguas. O Colégio Augusto, como era chamado, funcionou por 18 anos.

Nísia Floresta também escreveu livros, nos quais defendeu o direito das mulheres à educação. “As mulheres serem consideradas seres inteligentes, capazes de raciocinar, serem donas do seu pensamento, serem capazes de formular ideias. Isso era absolutamente revolucionário”, explica a professora Constância Lima Duarte, da UFMG, que escreveu sobre a educadora.

Até o fim de julho o Folha na Sala leva ao ar episódios especiais sobre a história de educadores que impactaram e mudaram o modo como se ensina hoje. A série vai ao ar sempre às quintas e estará disponível em todas as plataformas de podcast e no site da Folha.

Para fazer essa série, os produtores contaram com a ajuda de diversos professores e pesquisadores da História da Educação, entre eles, Amarilio Ferreira Jr.(Ufscar), Bruno Bontempi Junior (USP), Célio da Cunha, César Augusto Castro (UFMA), Elaine Teixeira Pereira (UFSC), José Gonçalves Gondra (UERJ), Leziany Daniel (UFPR), Lia Fialho (UECE), Luciano Mendes (UFMG), Marcus Vinicius Fonseca (UFOP), Maria Lúcia Hilsdorf (USP), Marisa Bittar (Ufscar), Marta Araujo (UFRN), Raylane Barreto (UFPE), Roni Cleber Dias de Menezes (USP) e Rosa Chaloba (Unesp).

Ouça também o primeiro episódio da série, sobre o jesuíta basco apontado como o primeiro professor do Brasil, Juan de Azpilcueta Navarro.

O Folha na Sala é uma parceria da Folha com o Itaú Social. O programa é produzido e apresentado pelos jornalistas Juliana Deodoro e Ricardo Ampudia. A coordenação do podcast é de Fábio Takahashi e Magê Flores. A edição de som é de Stefano Macarini.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.