Descrição de chapéu Café da Manhã

Para prevenir a Covid, o que é essencial e o que não é tão importante assim; ouça podcast

Em momento crítico da pandemia, especialista atualiza medidas de contaminação pelo coronavírus

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

O Brasil ultrapassou, nesta quinta-feira (29) a marca de 400 mil mortos pela Covid-19. Diante do grave momento de pandemia no país, o podcast Café da Manhã reúne o que se sabe sobre como podemos nos proteger do novo coronavírus. Mais de um ano depois da descoberta do Sars-Cov-2, muitos estudos consolidaram conhecimento sobre ele, e outros reviram informações.

Se no princípio havia uma grande preocupação com a transmissão do patógeno pelas superfícies --o que levava as pessoas a desinfetar longamente as compras do mercado, por exemplo--, hoje se sabe que o risco de se infectar pelo ar é muito maior.

No Café da Manhã desta sexta-feira (30), o imunologista e pesquisador da USP (Universidade de São Paulo) Gustavo Cabral fala sobre o que devemos fazer para nos prevenir contra o coronavírus e o que, neste caso, não é tão eficiente assim.

O programa de áudio é publicado no Spotify, serviço de streaming parceiro da Folha na iniciativa e que é especializado em música, podcast e vídeo. É possível ouvir o episódio clicando abaixo. Para acessar no aplicativo basta se cadastrar gratuitamente.

Ouça o episódio:

O Café da Manhã é publicado de segunda a sexta-feira, sempre no começo do dia. O episódio é apresentado pelos jornalistas Magê Flores e Marina Dias, com produção de Jéssica Maes, Laila Mouallem, Mahara Aguiar e Victor Lacombe. A edição de som é de Thomé Granemann.

Imagem de capa do podcast Café da Manhã, com o nome do programa escrito sobre vários recortes de jornais. Logos de de Spotify e Folha de S.Paulo podem ser vistas nos cantos
Podcast Café da Manhã - Reprodução
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.