Descrição de chapéu Café da Manhã

A crise de saúde na terra indígena yanomami; ouça podcast

Com assistência precária, aldeias têm casos severos de desnutrição infantil, alta nos números da malária e outras doenças

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

Os yanomamis têm enfrentando uma crise de saúde em suas aldeias, com casos de desnutrição infantil e uma alta nos números da malária. Além disso, a presença de invasores tem levado doenças de fora para os indígenas —como a Covid-19.

A foto de uma criança yanomami desnutrida e com as costelas expostas serviu de alerta para a situação do povo indígena. A menina tem 8 anos, pesa 12,5 kg e também foi diagnosticada com malária e verminose. Internada, ela está em tratamento também para pneumonia e anemia.

No episódio desta terça-feira (11), o Café da Manhã discute a situação da saúde entre os yanomamis, a ameaça trazida pelos invasores e a precariedade da assistência médica às aldeias. O podcast ouve o médico Paulo César Basta, que é pesquisador da Fiocruz e especialista na saúde dos povos indígenas.

O programa de áudio é publicado no Spotify, serviço de streaming parceiro da Folha na iniciativa e que é especializado em música, podcast e vídeo. É possível ouvir o episódio clicando abaixo. Para acessar no aplicativo basta se cadastrar gratuitamente.

Ouça o episódio:

O Café da Manhã é publicado de segunda a sexta-feira, sempre no começo do dia. O episódio é apresentado pelos jornalistas Maurício Meireles e Bruno Boghossian, com produção de Jéssica Maes, Laila Mouallem e Victor Lacombe. A edição de som é de Thomé Granemann.

Imagem de capa do podcast Café da Manhã, com o nome do programa escrito sobre vários recortes de jornais. Logos de de Spotify e Folha de S.Paulo podem ser vistas nos cantos
Podcast Café da Manhã - Reprodução
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.