É falso que pesquisa do Datafolha não foi registrada no TSE; saiba como fazer busca correta

Homem que aparece em vídeo divulgado em redes sociais cometeu erros de preenchimento

Sarah Mota Resende
São Paulo

É falsa a informação de que a mais recente pesquisa eleitoral feita pelo Datafolha, divulgada nesta quarta (22), não tem registro na Justiça Eleitoral.

O boato se espalhou em redes sociais como Facebook e WhatsApp após um homem, que não se identifica, gravar um vídeo lendo o resultado da pesquisa no site G1 e procurando pelo seu registro no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

0
Urna eletrônica na sede do TSE, em Brasília - Pedro Ladeira/Folhapress

Por não encontrar a pesquisa ao fazer a busca, o homem acusa o levantamento de ser uma farsa. "Ou a ‘Globo.com’ está mentindo, ou o Datafolha está mentindo, ou o Tribunal Superior Eleitoral está mentindo. São três responsabilidades: de quem registra, de quem diz que registrou e de quem está passando a informação. [...] Alguém tem que me dizer o que está acontecendo", diz o homem.

Como verificado pelo projeto Comprova, coalizão de 24 organizações de mídia brasileiras, dentre elas a Folha, que visa identificar, checar e combater rumores, manipulações e notícias falsas sobre as eleições de 2018, o homem preencheu os campos de busca no site do TSE de maneira errada, o que o impediu de encontrar a pesquisa.

Foram dois os equívocos do autor do vídeo: no campo para preencher o período da pesquisa, o correto é colocar a data em que ela foi registrada e não os dias em que o levantamento foi feito nas ruas.

Como esta não é uma informação obrigatória nas notícias, ela não precisa ser informada na busca —basta preencher o número correto do registro, que neste caso é BR-04023/2018. O segundo erro do homem foi digitar o número da pesquisa, BR-04023/2018, sem o hífen.

Passo a passo para verificar se uma pesquisa tem ou não registro no TSE

  1. Acesse o site do TSE

    http://www.tse.jus.br/

  2. Na aba “Eleições”, clique em "Pesquisas eleitorais - Eleições 2018"

  3. Na parte de baixo da página, clique em "Consulta às pesquisas registradas"

  4. Preencha os campos corretamente e clique em “Pesquisar”

    e a pesquisa for da disputa presidencial, escolha “Eleições gerais 2018" no campo “Eleição” e “Brasil” no campo “UF”. Se não souber a data de registro, basta inserir o número completo da pesquisa, com o hífen.

Veja também o vídeo explicativo:

Captura de imagem de vídeo em que homem faz busca errada em site do TSE
Captura de imagem de vídeo em que homem faz busca errada em site do TSE - Reprodução

Participaram também da apuração deste texto os veículos UOL e O Povo, que integram o Comprova, projeto que visa identificar, checar e combater rumores, manipulações e notícias falsas sobre as eleições de 2018. É possível sugerir checagens pelo WhatsApp da iniciativa, no número (11) 97795-0022.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.