Entrevista de vice de Amoêdo, do Novo, foi editada para parecer apoio a Bolsonaro

Houve uma edição no vídeo de entrevista concedida por Christian Lohbauer à emissora de rádio

Sarah Mota Resende
São Paulo

É falsa a informação de que o vice na chapa de João Amoêdo (Novo) à Presidência, Christian Lohbauer (Novo), elogiou e recomendou votos para o candidato Jair Bolsonaro (PSL).

O vídeo de uma entrevista de Lohbauer à rádio Jovem Pan foi digitalmente alterado para mudar o sentido real das declarações dele.

O conteúdo enganoso que circula em redes sociais sem autoria reproduz o trecho em que o vice de Amoêdo critica os cinco principais candidatos da disputa presidencial. Mas há um corte logo após a menção a Bolsonaro e o vídeo continua com outro trecho da entrevista, como se a opinião de Lohbauer sobre o adversário do PSL fosse elogiosa. 

"Nós temos aqui é um candidato viável, um sujeito que estuda, que tem posições, que vai constituir um governo técnico, que vai enfrentar todos os desafios que a gente tem pela frente inclusive de um Congresso hostil, que é o que a gente vai ter lá adiante".

Professor Christian Lohbauer, vice de João Amoêdo (Novo)
Professor Christian Lohbauer, vice de João Amoêdo (Novo) - Divulgação

O projeto Comprova buscou o vídeo original da entrevista, realizada no dia 17 de setembro e disponível no canal da emissora no Youtube. Na realidade, Lohbauer comenta que votar em Bolsonaro seria “entregar o país num cheque em branco no escuro, porque ninguém tem a menor ideia do que vai acontecer” e completa que o país “não tem tempo para aventura”. Só depois dessas afirmações que o candidato a vice parte para os elogios ao presidenciável do Novo.

João Amoêdo desmentiu o conteúdo em sua página oficial. Ele publicou um post com o vídeo original no canal da Jovem Pan News e escreveu: “Está circulando por aí um vídeo editado onde o Professor Christian, candidato do NOVO à Vice-presidência, estaria apoiando outro presidenciável nas eleições. Isso é mentira. Uma fake news, prática já conhecida da velha política. Mas mentira a gente combate com verdade. Assista ao vídeo completo da entrevista em questão.”

A Folha, Lohbauer disse repudiar "qualquer forma de produção e disseminação de conteúdo falso". "Não faz parte da minha educação e tampouco da prática política do partido Novo o uso de instrumentos como esse", afirmou.

O vídeo manipulado teve ampla circulação no WhatsApp e em redes sociais como o Twitter e o Facebook. Uma das publicações na rede de Mark Zuckerberg atingiu 407 mil visualizações e 24 mil compartilhamentos. No twitter, uma publicação teve mais de 4 mil curtidas e 2 mil retuítes.

Participaram também da apuração deste texto os veículos Gazeta Online e revista piauí, que integram o Comprova, projeto que visa identificar, checar e combater rumores, manipulações e notícias falsas sobre as eleições de 2018. É possível sugerir checagens pelo WhatsApp da iniciativa, no número (11) 97795-0022.    

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.