Avião com Battisti chega a Roma

Terrorista italiano foi preso na noite de sábado na Bolívia

Lucas Ferraz
Roma

Terminou às 11h47 (no horário de Brasília, às 8h47) desta segunda-feira, com o desembarque do terrorista Cesare Battisti, 64, no aeroporto de Ciampino, em Roma, um dos mais longos e complexos casos da diplomacia italiana.

Terrorista Cesare Battisti é escoltado por policiais em sua chegada a Roma
Terrorista Cesare Battisti é escoltado por policiais em sua chegada a Roma - AFP

Após quase 38 anos de fuga e refúgio em países como França, México e, por último, Brasil, Battisti começará hoje a cumprir a pena de prisão perpétua pelos quatro assassinatos (dois deles com participação direta) no qual foi condenado.

Os ministros do Interior, Matteo Salvini, líder da Liga, partido de extrema-direita e hoje o político mais popular da Itália, e da Justiça, Alfonso Bonafede, foram ao aeroporto para recepcionar os policiais italianos envolvidos na captura de Battisti, na madrugada deste domingo, na cidade boliviana de Santa Cruz de la Sierra.

O terrorista será levado para a penitenciária de Rebibbia, no bairro romano de mesmo nome, distante 20 quilômetros de Ciampino. Lá, segundo confirmou o governo, ele ficará numa ala de segurança máxima, os primeiros seis meses em isolamento —seguindo as regras dos condenados à prisão perpétua.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.