Descrição de chapéu Governo Bolsonaro

Bolsonaro pediu que ministros escolham pessoas 'alinhadas' para cargos

Orientação foi dada pelo presidente em reunião com os escolhidos para o primeiro escalão

Talita Fernandes Gustavo Uribe
Brasília

Em reunião ministerial nesta quinta-feira (3), o presidente Jair Bolsonaro pediu a seus auxiliares que eles escolham apenas pessoas que estejam alinhadas com o governo para ocupar cargos em cada uma das pastas.

O pedido foi feito pelo presidente aos 22 nomes escolhidos por ele para ocupar o primeiro escalão de seu governo.

De acordo com pessoas presentes no encontro, Bolsonaro pediu um alinhamento de sua equipe. Ao dizer isso, fez um apelo para que os ministros não fizessem comentários ou declarações que possam dar a impressão de desalinhamento dentro do governo.

Após o encontro, o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, disse que não devem ser escolhidas pessoas com perfis distintos ao do governo.

"Não há sentido um governo com o perfil que nós temos com pessoas que defendem outra lógica, outro sistema político e outra organização da sociedade", disse em entrevista ao fim da reunião.

O ministro afirmou ainda que o presidente pediu que os ministros adotassem critérios de indicações técnicas para segundo e terceiro escalão. 

Onyx publicou portaria nesta quinta-feira (3) exonerando ou dispensando funcionários em cargos de confiança vinculados à pasta que assumiram as funções até o ano passado.

Segundo ele, foram afastados cerca de 320 servidores, que passarão por entrevistas e análises para apontar se foram indicados nas administrações de Luiz Inácio Lula da Silva ou de Dilma Rousseff, do PT.

Ele anunciou que, com o objetivo de "despetizar" o Palácio do Planalto, o governo federal vai demitir todos os funcionários que ocupam cargos comissionados vinculados à Casa Civil.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.