Repórter da Folha é a jornalista mais premiada do país em 2019, segundo ranking

Patrícia Campos Mello encabeça levantamento J&Cia, que conta com outros profissionais do jornal

São Paulo

A repórter especial da Folha Patrícia Campos Mello foi anunciada nesta quinta-feira (19) como a jornalista mais premiada do Brasil em 2019, segundo o Ranking J&Cia dos +Premiados da Imprensa Brasileira.

A premiação é concedida pela publicação segmentada Jornalistas&Cia com base no número de troféus recebidos em certames nacionais e internacionais. As honrarias rendem pontuações diferentes conforme sua abrangência e relevância.

Patrícia Campos Mello, repórter especial da Folha, durante evento promovido pelo jornal, em São Paulo
Patrícia Campos Mello, repórter especial da Folha, durante evento promovido pelo jornal, em São Paulo - Reinaldo Canato - 5.nov.2019/Folhapress

Em sua nona edição, o levantamento abrangeu 166 concursos do país e do exterior. Patrícia conquistou três premiações e somou 145 pontos.

A primeira, que rendeu a ela 10 pontos, foi o Grande Prêmio Folha de Jornalismo, pela reportagem "Empresários bancam campanha contra o PT pelo WhatsApp", de outubro do ano passado.

O trabalho mostrou que empresas brasileiras compraram de agências de marketing pacotes de mensagens em massa contra o PT, disparadas via WhatsApp.

A repórter, que também é colunista do jornal, foi alvo de ataques após a publicação da notícia.

À época, ela teve sua conta de WhatsApp hackeada e recebeu ligações nas quais uma voz masculina a ameaçou.

A reportagem também a levou a vencer, ao lado do jornalista americano Glenn Greenwald, do site The Intercept Brasil, o Prêmio Especial Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos deste ano.

Ainda por causa do trabalho, Patrícia recebeu o Prêmio Internacional de Liberdade de Imprensa, concedido pelo Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ).

Outros profissionais da Folha aparecem no Ranking J&Cia 2019. Entre eles estão a colunista Mônica Bergamo, os repórteres Raphael Hernandes, Tássia Kastner e Fabiano Maisonnave e o repórter-fotográfico Pedro Ladeira.

Entre os dez primeiros colocados da lista constam ainda jornalistas da TV Record, do Grupo Globo e da Rádio Gaúcha.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.