Quaest: Haddad tem 30%, seguido por França (17%), Tarcísio (10%) e Rodrigo (5%)

Pesquisa em cenário para o primeiro turno da eleição ao Governo de São Paulo aponta ex-prefeito petista à frente

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

Pesquisa Genial/Quaest divulgada nesta quinta-feira (12) mostra o ex-prefeito Fernando Haddad (PT) na liderança da corrida ao Palácio do Bandeirantes, com 30% das intenções de voto, seguido por Márcio França (PSB), com 17%, Tarcísio de Freitas (Republicanos), com 10%, e Rodrigo Garcia (PSDB), com 5%.

Na montagem, Haddad, França, Tarcísio e Rodrigo
Na montagem, Haddad, França, Tarcísio e Rodrigo - Zanone Fraissat/Folhapress, Bruno Santos/Folhapress, Zanone Fraissat/Folhapress e Governo do Estado de São Paulo

Num cenário estimulado sem França, Haddad marca 37%, contra 12% de Tarcísio, ex-ministro do presidente Jair Bolsonaro (PL), e 8% de Rodrigo, atual governador de São Paulo e pré-candidato à reeleição. PT e PSB ainda negociam se França mantém ou não a sua candidatura ao governo.

O instituto ouviu de forma presencial 1.640 pessoas no estado de 6 a 9 de maio, e a margem de erro da pesquisa é de 2,4 pontos percentuais, para mais ou para menos.

O nível de confiança do levantamento é de 95%, sob o registro SP-00620/2022 e BR-09290/2022. A pesquisa da Quaest é financiada pela corretora de investimentos digital Genial Investimentos, que é controlada pelo Banco Genial.

Principal cenário de 1º turno

  • Fernando Haddad (30%)
  • Márcio França (17%)
  • Tarcísio de Freitas (10%)
  • Rodrigo Garcia (5%)
  • Felício Ramuth (1%)
  • Elvis Cezar (1%)
  • Vinicius Poit (1%)
  • Gabriel Colombo (1%)
  • Altino Junior (1%)
  • Abraham Weintraub (1%)
  • Branco/Nulo/Não pretende votar (19%)
  • Indecisos (14%)

Haddad também aparece à frente projeções para o segundo turno. Ele marcaria 38% a 32% contra França, 45% a 23% contra Tarcísio e 44% a 21% contra Rodrigo. Já França bateria Tarcísio (42% a 20%) e Rodrigo (41% a 18%). Um confronto entre Tarcíso e Rodrigo hoje aponta para um empate em 23% cada um.

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Leia tudo sobre o tema e siga:

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.