Folha lança buscador de imóveis novos à venda

Plataforma Onde Morar permite procurar casas e apartamentos prontos ou na planta em toda a Grande SP

São Paulo

A Folha lança neste domingo (18) o buscador de imóveis à venda Onde Morar (www1.folha.uol.com.br/ondemorar/). A ferramenta apresenta casas e apartamentos novos, desde aqueles que ainda estão na planta até as unidades prontas para se mudar.

“O objetivo é amplificar os pontos de contato entre a audiência que a Folha tem e o mercado imobiliário”, diz Marcelo Benez, diretor-executivo comercial do Grupo Folha.

No momento, o site reúne cerca de 500 opções de imóveis de vários padrões, inclusive para uso comercial. São empreendimentos localizados em São Paulo e região metropolitana, mas a ideia é incluir outras cidades.

Plataforma de imóveis novos Onde Morar
Plataforma de imóveis novos Onde Morar - Reprodução

O acesso ao site é gratuito e livre —não é preciso ser assinante do jornal. A plataforma funciona no computador e em smartphones com sistemas Android e iOS.

Para facilitar a busca, o usuário pode aplicar filtros como localização, número de dormitórios e de vagas na garagem, além de área, preço, estado da obra e o nome da incorporadora. 

O buscador mostra os imóveis que se encaixam na pesquisa em uma barra lateral e em um mapa, onde é possível comparar as localizações.  

Ao clicar em um dos empreendimentos, o site abre uma página com galeria de fotos e mais informações sobre o lançamento. 

É possível saber, por exemplo, se o prédio tem salão de festas, academia, bicicletário e brinquedoteca. 
São as próprias incorporadoras que fornecem os dados para a ferramenta. Assim, só aparecem informações oficiais na página. Isso também impede que unidades já habitadas figurem entre as opções de busca.

A página aponta ainda o endereço exato da casa ou do apartamento e mostra outros lançamentos similares a eles. 

Quando gostar de uma opção, o usuário pode fazer um cadastro na página do lançamento, em um formulário lateral. Basta informar nome, email e telefone. Esses dados serão enviados às incorporadoras. 
Para que as informações sejam compartilhadas, o usuário precisa sinalizar o seu consentimento em um espaço específico, no cadastro.

“Seguimos os parâmetros de permissão para uso de dados de forma que a ferramenta não seja invasiva ou intrusiva para o leitor”, diz Benez.

De acordo com o diretor-executivo comercial do Grupo Folha, a plataforma é mais que uma lista de empreendimentos. Seus recursos permitem uma busca interativa —um avanço em relação a classificados estáticos.

Segundo ele, o site se diferencia ainda de buscadores concorrentes por só oferecer imóveis novos e por ter a visibilidade proporcionada pelo jornal. “O Onde Morar já vai começar grande. Nunca tivemos uma audiência tão volumosa quanto agora, o que gera visibilidade para a nossa ferramenta.” 

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.