Descrição de chapéu Retomada das Concessionárias

Montadoras lançam carros campeões de venda para acelerar retomada

Entre as novidades mais esperadas estão a picape Fiat Strada e o utilitário Volkswagen Nivus

São Paulo

Após uma série de adiamentos causados pela pandemia do novo coronavírus, o segundo semestre de 2020 vai concentrar os lançamentos do ano na indústria automotiva.

Carros que devem disputar as primeiras posições de vendas em seus segmentos chegam às concessionárias ao mesmo tempo, o que deve estimular o mercado nos próximos meses.

Os modelos mais aguardados são a nova picape Fiat Strada, o utilitário esportivo Volkswagen Nivus e a segunda geração do hatch compacto Peugeot 208.

São carros que pertencem a segmentos de grande volume no país: juntos, esses três nichos respondem por cerca de 70% das vendas de veículos leves e pesados no país.

As fabricantes esperam que as novidades sejam tão bem recebidas pelos consumidores como foi o novo jipinho urbano Chevrolet Tracker, cujas vendas começaram de forma prioritariamente online ainda no mês de abril.

Hoje, o carro está entre os mais vendidos do país e com crescimento de 50,7% na comparação entre os meses de maio de 2020 e de 2019.

De acordo com Alarico Assumpção Júnior, presidente da Fenabrave (entidade que representa os distribuidores de veículos), apenas 32% das 7.200 concessionárias do país estavam com seus departamentos de vendas funcionando no começo de abril.

Nesse período, alguns negócios foram fechados pela internet, tendência que se estendeu pelo mês de maio.

Com as lojas reabertas em diversas cidades, os números começam a melhorar, embora ainda sobre uma base de comparação baixa, de acordo com Alarico.

O empresário acredita que números mais consolidados serão apurados no mês de julho, quando muitas das novidades já estarão nas lojas, e as montadoras estarão produzindo ao menos em um turno.

Além de modelos nacionais, automóveis importados com preços acima de R$ 200 mil também chegam ao mercado. Um desses é o Volvo XC40 T5 Hybrid (R$ 249.950), que estreia com uma promoção inusitada.

A montadora sueca afirma que vai pagar o consumo de energia do carro no seu primeiro ano de uso —o veículo é um híbrido do tipo plug-in, que pode ter suas baterias recarregadas na tomada.

Para ter acesso ao benefício, o proprietário precisa se cadastrar em um aplicativo da Volvo que irá monitorar o gasto de eletricidade.

Ao fim de um ano, será feito o cálculo da despesa com recargas de acordo com a tarifa de energia da cidade em que o veículo está registrado.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.