Robô que fiscaliza despesas duvidosas de deputados é bloqueado no Twitter

Rosie faz parte de projeto de transparência que monitora reembolsos da cota parlamentar

Paula Soprana
São Paulo

O perfil Rosie, que identifica gastos irregulares de deputados federais e os denuncia no Twitter, está bloqueado há dois dias no microblog. Os desenvolvedores do projeto alegam que não houve justificativa para a suspensão.

Parte de um programa de transparência de dados chamado Serenata de Amor, organizado por um coletivo de programadores e ativistas, o perfil de Rosie tem 37,9 mil seguidores e detecta reembolsos irregulares ligados à cota parlamentar, um valor fixo que deputados recebem para custos ordinários, como alimentação e hospedagem.

perfil da Rosie
Perfil da Rosie, robô que denuncia irregularidade no uso da cota parlamentar - Twitter

O que foi bloqueado na conta é a automação, ou seja, a possibilidade de o perfil publicar mensagens sem a necessidade de interferência humana.​

Apesar de a empresa não ter respondido às solicitações de justificativa dos programadores, a suspensão pode ser consequência do esforço do Twitter em conter a disseminação de contas automatizadas, muitas vezes utilizadas para desinformação e discurso de ódio.

"A diferença é que nosso bot é explícito, nós avisamos no perfil que se trata de um robô. Não é um robô que tenta se passar por pessoa", diz Eduardo Cuducos, cofundador do projeto.

Segundo ele, há 20 denúncias pendentes a serem tuitadas. O robô vasculha bancos de dados públicos e identifica inconsistências a partir de um sistema de inteligência artificial. 

Ao publicar, Rosie menciona o perfil do deputado ou deputada em questão. Segundo Cuducos, muitos se retratam e devolvem o dinheiro.

"Um dos casos mais icônicos foi de um deputado que gastou R$ 1500 em um restaurante de bode assado, onde o gasto médio é de R$ 60", relata. 

Marina Silva, ex-ministra do Meio Ambiente, se juntou ao movimento #DesbloqueiaRosie em sua conta no Twitter.

O processo para identificar robôs no Twitter também é automatizado. Um dos critérios para suspender um robô é verificar se o perfil menciona, com frequência, pessoas com as quais não interage.

Como Rosie cita parlamentares diariamente, é provável que seu processo de automação tenha sido suspenso por esse motivo.

Em nota, o Twitter informou que tem regras que determinam os comportamentos e conteúdos permitidos na plataforma, incluindo as de automação. "Violações a essas regras estão sujeitas às medidas cabíveis", disse.

Em outras ocasiões, a empresa alegou que não barra contas em função do conteúdo, mas do comportamento.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.