São Paulo

A capital e cidade mais populosa da Holanda, com cerca de 850 mil habitantes, é conhecida por seus canais e ciclovias.

O que fazer: Vale visitar o museu Van Gogh, que reúne a maior coleção do pintor, a Casa de Rembrandt, antigo lar do artista, onde é possível conhecer sua vida e suas obras e o museu Anne Frank.

Também é interessante o tour guiado da Heineken Experience, que conta a história da cerveja e inclui degustação da bebida.

Depois, relaxe no Vondelpark, um dos parques mais conhecidos do país e um dos principais pontos turísticos da cidade, que tem um grande lago e muita área verde. Outro passeio é andar de barco pelos canais.

Quando ir: O verão, de junho a agosto, é a melhor época para visitar Amsterdã. Os dias são mais longos. Em julho, amanhece entre 5h e 6h e anoitece entre 21h e 22h. 

O que comer: Nas barracas de rua reinam as batatas fritas, servidas em um cone de papel com maionese ou outros molhos, e os arenques crus, vendidos como petisco acompanhados de cebola ou picles.

Os queijos holandeses também são muito conhecidos, como o Gouda e o Edam. Para quem gosta de carne, vale tentar as bitterballen, almôndegas fritas acompanhadas de mostarda, servidas como petiscos nos bares, e o hutspot, um refogado de carne com purê de batatas e cenouras.

Há ainda a sopa de ervilhas típica da Holanda (erwtensoep).

Compras legais: A cidade não é muito conhecida pelos seus centros de compras, mas algumas lojas de luxo e outras mais baratas podem ser encontradas em extensas ruas comerciais.

A rua Kalverstraat é a mais famosa, localizada no centro e fechada para carros. Lá há lojas de roupas, livros, eletrônicos e grandes lojas de departamento.

A rua PC Hooftstraat, cheia de lojas de grife, é famosa pela quantidade de celebridades que fazem compras na Gucci, Chanel e Cartier.

A rua Haarlemmerstraat, repleta de cafés e restaurantes de comida típica, abriga sebos e lojas de roupas.

As nove ruas no bairro Jordaan estão em uma das áreas mais charmosas da cidade, com lojas de antiguidades, de artes, butiques e brechós.

A loja de departamento De Bijenkorf, que lembra a Harrods, de Londres, é luxuosa e vende roupas de grandes marcas para homens, mulheres e crianças, além de cosméticos, artigos para casa e livros.

Confira o que fazer nos 50 destinos eleitos pelo júri de Turismo

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.