Descrição de chapéu Destinos

Do simples ao luxo ou da calma ao agito, eleja o seu Porto Seguro

Nos quatro distritos do município baiano, visitante encontra vida noturna, construções históricas e vilas paradisíacas

Carolina Daffara
Porto Seguro

A imensa propaganda de uma empresa de formaturas no desembarque do aeroporto já indica a principal vocação de Porto Seguro. 

O destino no sul da Bahia, localizado a 710 km de Salvador, é um dos mais procurados por jovens que estão terminando o ensino médio. A cidade recebe, em média, 55 mil estudantes por ano. 

Mas não se preocupe. Fora dos meses de julho, outubro e novembro a chance de se deparar com adolescentes barulhentos no seu hotel é mínima. E você vai se surpreender com a região.

Porto Seguro é multifacetada, com atrativos no ano inteiro. Destino de praia por excelência, oferece também outros passeios, que reúnem história, etnoturismo (visita a tribos indígenas), observação de animais, vida noturna agitada e farta gastronomia local. 

A cidade é dividida em quatro distritos principais, cada um deles com características bem marcadas. Em comum, todos têm praias de mar calmo. 

O óleo que atinge o litoral do Nordeste desde o fim de agosto, incluindo pontos turísticos da Bahia como Praia do Forte e Ilhéus, não chegou a Porto Seguro até terça (22).

Porto Seguro

É o distrito-sede, de onde se chega fácil aos outros três.

A região abriga a maioria das opções de hospedagem. Há hotéis com quartos de 100 metros quadrados para a família toda, como o Vitória Régia (diária a R$ 490), e resorts luxuosos, com pensão completa e serviço de barraca de praia incluso, como o Nauticomar (diária a partir de R$ 655).

“Barraca de praia”, em certos casos, é só um eufemismo para se referir às estruturas que ocupam o beira-mar de Porto Seguro, como a Tôa Tôa e a Axé Moi. Estão mais para complexos de lazer, já que algumas conseguem acomodar mais de 10 mil pessoas.

Esses espaços se concentram na praia de Taperapuã, no centro, onde o clima é de festa o ano todo, com festas, shows e apresentações de DJs.

Já a praia do Mutá, de areia clara e mar sem ondas, é para quem está atrás de sossego. Ela fica na divisa de Porto Seguro e Santa Cruz Cabrália.

Viajantes um pouco mais aventureiros podem conhecer a região de bicicleta. 

A agência Bahia Active organiza roteiros curtos, como passeios pela região central do distrito (R$ 80), e longos, como a rota entre Belmonte e Caraíva (R$ 480), nos arredores de Porto Seguro. Também dá para alugar uma bike (R$ 45 por dia) e pedalar à vontade pela orla.

Para quem quiser ir além do mar e conhecer outra faceta da região, vale visitar algumas das tribos indígenas por lá.

Uma das aldeias abertas para turistas é a da Jaqueira, onde mais de cem índios pataxó vivem sob a liderança da cacique Nitinawã, uma das três irmãs fundadoras da tribo. O passeio de três horas custa R$ 45; o de um dia inteiro sai por R$ 100.

A excursão mais curta consegue dar um bom panorama das tradições da etnia pataxó. Primeiro, o visitante conhece um pequeno museu, que mostra a mudança dos costumes da tribo ao longo das décadas. 

Há também degustação de chás e peixe assado e atividades como pintura facial. 

O turista também pode assistir a uma dança de agradecimento, que conta com participação de toda a tribo.

Arraial d’Ajuda

Para chegar à região, a partir de Porto Seguro, é preciso pegar uma balsa.

No distrito, está localizado o Eco Parque Arraial D’Ajuda, um parque aquático com tobogãs, piscina de ondas, tirolesa e outras atrações do gênero. A entrada custa R$ 70.

Arraial também tem uma boa oferta de restaurantes à beira-mar, como o Bistrô d’Oliveira e o Cabana Corujão. Em qualquer um deles, peça para experimentar o drink feito à base de mel de cacau, que virou moda na região.

Para aproveitar o fim de tarde, uma opção é a cervejaria Arraial d’Ajuda, que fica na praça da igreja. Aposte nas variedades IPA e APA, mais amargas. 

Trancoso

À primeira vista, o distrito é simples, mas ao chegar no ponto principal, o quadrilátero de Trancoso, o visitante se depara com lojas de marcas caras, que ajudam a dar a atmosfera de luxo que faz a fama da região.

Um dos pontos mais populares é a fotogênica igrejinha da praça São João, que começou a bombar nas redes sociais depois que blogueiras como Gabriela Pugliesi casaram ali. 

E é fácil entender esse auê todo em volta dela. O contraste do branco da construção com o azul do céu ao fundo fica bem nas fotos.

Outro atrativo de Trancoso é a orla, composta por uma grande faixa de areia que interliga todas as praias. É ótimo para quem gosta de caminhar. 

Uma das mais famosas é a praia do Espelho, a 20 km do centrinho. De areia branquinha, ganhou o nome por causa da transparência da água.

Caraíva

Chegar a Caraíva dá mais trabalho. Saindo de Porto Seguro, é preciso pegar a balsa até Arraial d’Ajuda e, em seguida, subir num ônibus (R$ 20, com duas saídas diárias), que leva duas horas e meia para chegar ao rio que dá nome ao distrito. Então, basta atravessá-lo. 

O trajeto vale a pena pela paisagem. Entre todos os distritos, é o que mais tem clima de vilarejo paradisíaco.

Incrustada no encontro do rio com o mar, Caraíva é considerada pelo Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) a vila mais antiga do Brasil. Sua fundação data de 1530.

No distrito, vivem cerca de mil pessoas, entre diversas gerações de pescadores e forasteiros que acabaram ficando.

O “táxi” que leva as bagagens dos visitantes é uma carroça puxada por um jegue. As ruas não são asfaltadas, o chão é de terra e areia.

Apesar de pequena e rústica, a vila tem uma boa infraestrutura de hospedagem, como a pousada Casa de Paixão (R$ 340 a diária, em quarto de casal com banheiro privativo, além de café da manhã), e oferta de restaurantes, como o Manga Rosa, com vista para o rio.

Se o dia em Caraíva é passado na água, seja descendo o rio de boia ou nadando no mar, a noite do vilarejo é dominada pelos festas de forró. Várias locais incluem o ritmo em sua programação.


Pacotes

R$ 723 
4 noites em Porto Seguro, na New Age Tour Operator (newage.tur.br)
Saída no dia 3 de novembro. Hospedagem em quarto duplo, com café da manhã. Inclui seguro-viagem, traslado, city tour e passeios a Trancoso e Arraial d’Ajuda. Sem passagem aérea

R$ 812
7 noites em Porto Seguro, na Decolar (decolar.com)
Hospedagem em quarto duplo, com café da manhã. Inclui passagem aérea a partir do aeroporto de Guarulhos, em São Paulo

R$ 1.175 
5 noites em Porto Seguro, na CVC (cvc.com.br)
Hospedagem em quarto duplo, com café da manhã. Inclui traslado e passeio aos principais pontos turísticos da cidade. Com passagem aérea a partir de São Paulo

R$ 4.082 
7 noites em Porto Seguro, na CVC (cvc.com.br)
Hospedagem em quarto duplu, em sistema all-inclusive, no hotel Coroa Vermelha. Inclui passeios pela cidade e traslados. Com passagem aérea a partir de São Paulo

R$ 6.430 
7 noites noites em Imbassaí, na Abreu (abreutur.com.br
Saída em 24 de janeiro. Hospedagem em quarto duplo, em sistema all-inclusive, no Grand Palladium Imbassaí Resort & Spa. Com traslado entre o aeroporto de Salvador e o hotel. Inclui aéreo a partir de São Paulo

A jornalista viajou a convite da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo de Porto Seguro

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.