Hotéis criam novos padrões de limpeza contra o coronavírus

Plataforma Airbnb também tem atualiza protocolo de higienização dos imóveis

São Paulo

Redes hoteleiras anunciaram mudanças em seus protocolos de limpeza para diminuir os riscos de contágio de seus hóspedes pelo novo coronavírus.

A Hilton começa a adotar em junho um novo padrão. Entre as mudanças estão o check-in usando dispositivos móveis, a eliminação de blocos e outros brindes de papel e a limitação do número de hóspedes na sala de ginástica.

A Marriott, por sua vez, criou um conselho de limpeza e anunciou algumas mudanças, como o uso de desinfetante hospitalar em superfícies muito tocadas e a instalação de estações de higienização na entrada de seus prédios e perto dos elevadores.

Fachada do Marriott de Brooklyn Heights, em Nova York
Fachada do Marriott de Brooklyn Heights, em Nova York - Justin Heiman/Getty Images/AFP

A Accor anunciou parceria com uma empresa de certificação para elaborar um selo que definirá novos padrões sanitários para seus hotéis.

Já a plataforma AirBnb criou um novo protocolo, por ora restrito aos EUA, para os anfitriões, que receberão informações sobre a Covid-19 e instruções de como limpar o ambiente. Também será necessário um período de 24 horas entre uma estada e outra; para anfitriões que não puderem seguir as práticas, o período sobre para 72 horas.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.