Bolsonaro diz que vai negociar aprovação da reforma da Previdência este ano

Presidente eleito afirma que tratará do assunto em reunião com Temer na próxima semana

São Paulo

O presidente eleito Jair Bolsonaro disse nesta segunda-feira (29) que vai conversar com o governo do presidente Michel Temer na próxima semana para discutir projetos que possam ser aprovadas ainda este ano no Congresso Nacional, incluindo a reforma da Previdência.

Em entrevista à TV Record, Bolsonaro afirmou que irá tentar impedir que o Congresso aprove neste ano medidas chamadas pautas-bomba, para que não afetem ainda mais as contas públicas do país.

O presidente eleito também afirmou que não irá revogar a emenda do Teto de Gastos. "Nossa economia já está deficitária, então não adianta você querer revogar a emenda total do Teto, porque não tem como investir mais no Brasil. O Teto ao meu entender é importante e se puder ser aperfeiçoado, será bem-vindo".

Assim como prometido durante a sua campanha, Bolsonaro disse que irá diminuir o número de ministérios, cargos comissionados e colocará limites nos gastos dos cartões corporativos. 

0
Discurso do presidente eleito Jair Bolsonaro após sua vitória ser anunciada na noite de domingo (28) - Reprodução/TV Globo
Reuters
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.