São Paulo, sábado, 30 de setembro de 2000

Texto Anterior | Próximo Texto | Índice

Bactéria de doença rara é identificada no ES /B>

FERNANDA KRAKOVICS
DA AGÊNCIA FOLHA


Técnicos do Ministério da Saúde identificaram a bactéria Rickettsia rickettsii, causadora da febre maculosa, doença rara transmitida por carrapatos, em um morador da fazenda Barra do Caboclo, em Pancas (190 km de Vitória), Espírito Santo.
Na fazenda foram registradas quatro mortes e sete internações em hospitais com sintomas de febre maculosa desde julho. Análises feitas, na época, no Instituto Adolfo Lutz, em São Paulo, não identificaram a doença.
O Ministério da Saúde enviou uma equipe para o local, que fez testes em 50 pessoas. Em uma delas, foi isolada a bactéria.
Apesar de as coletas feitas nos doentes não terem acusado febre maculosa nem outro tipo de doença, a coordenadora de epidemiologia da Secretaria Estadual da Saúde, Teresa Cristina Cardoso, disse que o aparecimento da bactéria indica que, provavelmente, a causa das mortes e internações foi febre maculosa e que existem carrapatos infectados na região.
"Outro forte indício é que o tratamento dos doentes que se recuperaram foi feito com antibiótico indicado para o tratamento dessa doença."
Para ela, o motivo para o não-aparecimento da bactéria nas análises feitas nos doentes pode ser a distância da fazenda Barra do Caboclo e o transporte das amostras.
"A causa pode ser a qualidade do transporte e a armazenagem das coletas, pois a fazenda onde foram registrados os casos é longe, e às vezes a bactéria morre no caminho."
Segundo Teresa, também há dificuldade de identificação por causa do ciclo da doença. "O teste só dá positivo se estiver na segunda ou terceira semana de incubação da doença", explicou.
As investigações da equipe do Ministério da Saúde ainda não foram concluídas.
Os principais sintomas da febre maculosa são febre alta, manchas vermelhas pelo corpo, dor de cabeça, vômito e dor no corpo. O tratamento da doença é feito com antibiótico.


Texto Anterior: Cirurgia da próstata terá 2 mutirão
Próximo Texto: Garoto intoxicado deve receber alta hoje no Rio
Índice



Copyright Empresa Folha da Manhã S/A. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress.