São Paulo, quarta-feira, 04 de outubro de 2006

Texto Anterior | Próximo Texto | Índice

ATLETISMO

Panteras negras de Jogos-68 perdem "terceiro membro"

DA REPORTAGEM LOCAL

Peter Norman, o velocista australiano que dividiu o pódio com os ""panteras negras" Tommie Smith e John Carlos em 68, em uma das mais célebres imagens dos Jogos Olímpicos, morreu ontem.
Aos 64, foi vítima de ataque cardíaco. Nos Jogos, ganhara a prata nos 200 m.
Enquanto Smith e Carlos, descalços, levantavam os braços em sinal de protesto pela discriminação racial nos EUA no pódio, Norman, para apoiar os dois atletas, usou em sua camiseta um distintivo pelos direitos humanos.
Os três foram alvo de muitas críticas por suas ações, que aconteceram após os assassinatos de Martin Luther King e Robert Kennedy. ""Fiquei feliz em ter minha imagem ligada à causa deles", afirmou Norman.


Texto Anterior: Vela: Scheidt sobe para 3 no mundial de Star
Próximo Texto: Régis Andaku: Espere por mim em Tóquio
Índice



Copyright Empresa Folha da Manhã S/A. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress.