São Paulo, segunda-feira, 26 de setembro de 2005

Texto Anterior | Próximo Texto | Índice

Raikkonen diz que título era questão de tempo

DA REPORTAGEM LOCAL

Antes mesmo da corrida, Kimi Raikkonen já mostrava estar tranqüilo. Pelo paddock, tirava fotos com fãs, sorria e fazia malabarismos com uma garrafa de água. Depois da prova, mesmo alijado da disputa pelo título, parecia ainda mais relaxado.
"Isso ia acontecer um dia. Aconteceu hoje", declarou o piloto, único entre os 20 que largaram que ainda podia evitar um triunfo de Fernando Alonso. Ontem, foi o segundo colocado, fazendo a dobradinha da McLaren com Juan Pablo Montoya, algo que o time inglês não via desde o GP da Áustria em 2000 -foi ainda a 40 vez que a equipe colocou seus pilotos nos dois primeiros lugares do pódio em uma corrida.
"Eu não podia ter feito mais nada. Se pudesse, claro que teria feito. A verdade é que não fui rápido o suficiente", completou Raikkonen, que nas quatro corridas anteriores havia vencido três e conseguido um quarto lugar.
"Claro que fico desapontado de não estar mais lutando pelo título, mas já tinha percebido antes que não alcançaria [Fernando] Alonso. Perdi neste ano, mas vou tentar de novo no ano que vem."
Raikkonen ainda saiu de Interlagos com alguns prêmios de consolação. Fez a volta mais rápida (1min12s268), sua oitava na temporada -é o piloto com mais voltas velozes em 2005.
Depois de espreitar por todo final de semana o recorde de velocidade no circuito, cravou a nova marca ontem: 326,8 km/h, anotados no final da Reta dos Boxes. A anterior pertencia ao japonês Takuma Sato, da BAR, no ano passado, com 326,5 km/h.
Com o vice-campeonato mundial assegurado, algo que já havia conseguido em 2003, disse que vai aproveitar o fim da temporada para guiar "com o pé embaixo". E, como bom perdedor, fez questão de parabenizar o rival. "Dou os parabéns para o Alonso, mas é melhor ele estar preparado para brigar comigo e com minha equipe no final da temporada e no ano que vem. Vou me focar no Mundial de Construtores", completou o finlandês, 25. (FSX, TC E TT)


Texto Anterior: Mundial de Construtores fica embolado
Próximo Texto: Volta a volta
Índice



Copyright Empresa Folha da Manhã S/A. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folhapress.