Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
25/12/2004 - 09h36

Cientistas japoneses identificam pingüins homossexuais

Publicidade

da Agência Lusa

Um grupo de biólogos japoneses anunciou que pingüins dos jardins zoológicos do país têm mostrado um comportamento considerado homossexual, anunciou hoje a Universidade Rikkyo, de Tóquio.

A equipe de pesquisadores, dirigida por Keisuke Ueda, professor de ecologia do comportamento da Universidade Rikkyo, atribuiu as atitudes ao reduzido número de pingüins existentes nos cativeiros, o que dificulta as relações heterossexuais.

Ueda disse não ser possível determinar se os pingüins que vivem em liberdade agem da mesma maneira, pois é difícil monitorar essas atitudes na natureza.

Os cientistas filmaram vários tipos de ações consideradas homossexuais, desde a partilha do ninho por indivíduos do mesmo sexo a práticas de caráter sexual.

Segundo os cientistas japoneses, este comportamento já tinha sido observado em aves marinhas que vivem em liberdade, no seu habitat, como gaivotas.

Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre pingüins
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Geladeiras Geladeiras Frost Free, Duplex, a partir de R$ 862,20

    Notebook Notebook Trabalhe, estude, jogue, a partir de R$ 769,00

    Celulares | Tênis | Mais...

    Voltar ao topo da página