Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
Mapa do Brincar

Veja como participar

Ficha de inscrição | Regulamento

Você primeiro conta como é a sua brincadeira e, depois, aprende várias outras maneiras de garantir a diversão!

A Folhinha tá de brincadeira e, por isso, decidiu montar o Mapa do Brincar. Isso para descobrir como andam se divertindo meninos e meninas de norte a sul do Brasil. E até para ver como são iguais ou diferentes os jeitos de pular amarelinha ou de jogar bolinha de gude, por exemplo, de crianças do Amazonas e de São Paulo, de Minas Gerais e de Pernambuco, da Bahia e do Acre --e assim país afora.

Ah, você não sabe o que é pular amarelinha? Na sua cidade, a turma chama de pular academia, avião, macaca ou sapata? Está aí já uma das razões do mapa: começando pelo próprio nome, as brincadeiras variam de um lugar para o outro. As regras, os objetos usados e o número de participantes das brincadeiras também podem ser bem diferentes.

Então, para participar do Mapa do Brincar, você só precisa contar direitinho como são suas brincadeiras --e mandar para a Folhinha até o dia 19 de julho.

O resultado do Mapa do Brincar será divulgado no dia 3 de outubro. E os participantes terão seu nome lá. Mas o melhor de toda essa brincadeira é reunir, num só lugar, os mais diferentes jeitos de brincar de todo o país.

E olha só: após nossos "mestres em brincadeiras" analisarem com a equipe da Folhinha todos os trabalhos enviados, nossos repórteres poderão visitar a sua cidade para entender melhor como é seu jeito de brincar.

Você não vai ficar fora desse mapa, vai?

Participe já!

Mande sua participação por correio (al. Barão de Limeira, 425, 4º andar, CEP 01202-900, São Paulo, SP), por e-mail (mapadobrincar@uol.com.br) ou pelo blog da Folhinha (blogdafolhinha.folha.blog.uol.com.br).

No blog (mas só nele) você também pode postar fotos, áudios e vídeos das brincadeiras.

Entre no mapa

As instituições (creches, escolas, ONGs, orfanatos, Oscips etc.) que mandarem trabalhos de cem ou mais crianças ganharão um certificado de participação no Mapa do Brincar. Já a instituição com maior número de trabalhos inscritos será premiada com uma assinatura semestral da Folha de S.Paulo.

Mestres em brincadeiras

Confira quem são os pesquisadores que vão analisar com uma equipe de especialistas as brincadeiras enviadas para a Folhinha.

RENATA MEIRELLES é pesquisadora de brinquedos e brincadeiras, mestre em educação pela Universidade de São Paulo e autora de "Giramundo e Outros Brinquedos e Brincadeiras dos Meninos do Brasil" (editora Terceiro Nome).

ADRIANA FRIEDMANN é educadora, doutora em antropologia, professora e consultora na área da infância e do brincar em várias instituições, membro da Aliança pela Infância, autora de livros como "A Arte de Brincar" (ed. Vozes), "O Desenvolvimento da Criança Através do Brincar" (ed. Vozes), "O Universo Simbólico da Criança" (ed. Moderna).

Qual é a brincadeira?

Para participar do Mapa do Brincar, você pode escolher uma (ou quantas quiser) das brincadeiras abaixo. Quanto mais, melhor! Se a brincadeira preferida for uma bem diferentona e não estiver na lista, escolha a categoria "outras brincadeiras".

  • Amarelinha (ou academia, avião, macaca, sapata)
  • Bolinha de gude
  • De construir (avião, barco, boneca, carro, casinha e outros)
  • De palmas
  • De roda (cantadas)
  • Elástico
  • Pião
  • Pipa (ou barraca, cação, capucheta, jerequetinha, raia, rabiola)
  • Pula corda
  • De pegar
  • De esconder
  • De faz-de-conta
  • Fórmulas de escolha (exemplos: par ou ímpar e jokenpô)
  • Outras brincadeiras*

* Também entram aquelas que você inventou. Mas não entram modalidades esportivas como futebol, basquete, vôlei e similares.

Passo-a-passo da diversão

No texto, explique direitinho como é a brincadeira.

  • Nome (se não tiver, invente)
  • Regras (jeito de brincar)
  • Objetivo
  • Objetos (ou outros materiais) necessários
  • Número de participantes
  • Quem ganha, quem perde
  • Letra da canção (no caso de brincadeira com música)
  • Passos da construção (para quem escolheu o brincar de construir)
  • Espaço onde brinca

Regras de participação

  1. Você pode participar com brincadeiras que você brinca hoje: não vale fazer pesquisa sobre brincadeiras legais ou copiar de livros, revistas ou sites para mandar para cá.
  2. Você pode mandar mais de uma brincadeira num mesmo envelope, mas cada uma deve ter sua própria ficha de inscrição.
  3. É importante descrever e detalhar bem a brincadeira.
  4. Se achar importante, você pode desenhar para explicar melhor. E até fotografar, filmar ou gravar a brincadeira e mandar para o blog da Folhinha (www.blogdafolhinha.folha.blog.uol.com.br).
  5. Podem participar do mapa crianças com até 12 anos de idade.
  6. Os participantes não podem contar com a ajuda de pais ou responsáveis na produção dos textos e dos desenhos. Crianças não alfabetizadas podem pedir ajuda para um responsável, que deve preservar a forma de a criança contar.
  7. Junto com o seu texto, mande a ficha de inscrição abaixo preenchida em letra de forma. Essa ficha pode ser copiada: o importante é ter todas as informações que constam dela.
  8. Envie cartas até 19/7/2009, às 18h, e e-mails até 19/7/2009, às 23h59. Não haverá confirmação de recebimento de material.
  9. Em caso de dúvida, ligue para tel. 0/xx/11/3224-4412/3851 ou escreva para mapadobrincar@uol.com.br.
  10. Consulte o regulamento completo no blog da Folhinha (www.blogdafolhinha.folha.blog.uol.com.br).

Ficha de inscrição

Sua escola é
 
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página