Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
07/07/2006 - 16h13

Saiba mais sobre o ator Giulio Lopes

Publicidade

da Folha Online

O ator Giulio Lopes, 46, que interpreta o diretor de TV Régis em "Cristal", do SBT, sofreu um acidente vascular cerebral (AVC), termo técnico para designar um derrame, no último dia 27, durante a gravação da novela. Saiba mais sobre o artista abaixo:

Nascido em Poá, em São Paulo, Giulio Lopes fez sua estréia como ator em 1982, no espetáculo "O Apocalipse ou o Capeta de Caruaru", de Aldomar Conrado, com o grupo "Caentrenós" de teatro amador. A direção era de Silnei Siqueira, mesmo diretor da montagem de 1968 de "Morte e Vida Severina", de João Cabral de Melo Neto, um marco na história do teatro brasileiro.

A partir de então, o jovem, que era comerciante e começava o curso de administração, decidiu mudar o rumo da carreira e estudar teatro. Foi bolsista do INDAC (Instituto de Arte e Ciência) em 1986 e, no ano seguinte, foi aprovado na Escola de Arte Dramática da USP.

Divulgação
O ator paulistano Giulio Lopes, 46, que interpreta o diretor de TV Régis em "Cristal"
O ator paulistano Giulio Lopes, 46, que interpreta o diretor de TV Régis em "Cristal"
Já naquela época participava de alguns filmes publicitários. Foi só começo dos anos 90, porém, que passou a fazer algumas participações em novelas e minisséries na Globo e Bandeirantes.

Entre 1990 e 1997, se dedicou à sua empresa Capital Cenográfica, especializada em cenografia. Como o trabalho o afastou dos palcos, Lopes decidiu encerrar o negócio e voltar suas energias para a carreira de ator. Ele retomou a carreira com o espetáculo "Laços Eternos", de Zibia Gasparetto. Também atuou como Berrão, personagem do texto de Plinio Marcos "Homens de Papel", e integrou os elencos de "O Enigma Blavatsky", de José Rubens Siqueira.

Foi durante as apresentações de "Homens de Papel" que o ator recebeu o convite para participar do longa-metragem "Contra Todos", com roteiro e direção de Roberto Moreira. Ele viveu Teodoro, um dos quatro personagens centrais da trama. Sua atuação no filme lhe rendeu dois prêmios de melhor ator: no 8º Cine PE e no 14º FestNatal.

Em 2005, participou de outros três filmes: "Antônia" (Tata Amaral), "Querô" (Carlos Cortez) e "Os Doze Trabalhos" (Ricardo Elias), com lançamento previsto para 2006.

Com informações do site do ator

Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre a novela "Cristal"
  • Leia cobertura completa sobre novelas
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    TV Smart TV Smart HDMI, LED, Full HD a partir de R$ 999,99

    Refrigerador Refrigerador Side By Side, Duplex, Frost Free a partir de R$ 849,00

    Home Theater | Tênis | Mais...

    Voltar ao topo da página