Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
30/03/2007 - 07h05

Bono aceita título de cavaleiro, mas sem ser chamado de "sir"

Publicidade

da Ansa, em Londres

O astro Bono, vocalista do U2, aceitou o título de cavaleiro concedido pela Rainha Elizabeth 2ª, mas sob uma condição: "Não me chamem de sir"'.

Afolabi Sotunde/Reuters
Bono, do U2, aceita título de cavaleiro;
Bono, do U2, aceita título de cavaleiro
O cantor recebeu a honraria durante uma breve cerimônia na residência oficial do embaixador britânico em Dublin, David Reddway.

Os outros membros da banda, The Edge e Adam Clayton, também estavam presentes na entrega, além da mulher e os quatro filhos de Bono.

Bono não é cidadão britânico, portanto não tem o direito de ser chamado de "Sir". "Pode me chamar como quiserem, menos de sir", disse Bono, que ainda brincou dizendo que podem chamá-lo de "lorde dos lordes ou de semi-deus".

Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre o U2
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página