Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
26/01/2001 - 10h29

Mortos em terremoto na Índia já são 800

Publicidade

das agências internacionais
em Nova Déli

Cerca de 800 pessoas morreram no Estado de Gujarat (oeste da Índia) hoje, devido a um terremoto de 7,8 graus na escala aberta de Richter, informou a agência "United News of India".

O Serviço Geológico dos Estados Unidos informou que o tremor teve uma magnitude de 7,9 graus. No entanto, o Instituto Meteorológico indiano disse que chegou a 6,9 graus.

O epicentro foi localizado nas proximidades da cidade de Bhuj, no Rann de Kutch, ao longo da fronteira entre a Índia e o Paquistão.

Reuters

Terremoto derrubou mais de cem prédios na Índia
O número de mortos em Bhuj chega a 150, segundo o chefe de polícia do estado de Gujarat, G.H. Vasaveda. Em todo o estado, morreram 281 pessoas. Além de Bhuj e Ahmedabad, ocorreram 31 mortes em Surat, 28 em Pattan, 55 em Surendranagar e 17 em Palam.

Em Maninagar, 70 crianças e alguns adultos morreram soterrados no
desabamento de uma escola.

Na cidade paquistanesa de Hyderabad, duas pessoas morreram no desabamento de um prédio de dois andares. Mais de cem edifícios desabaram em todo o estado de Gujarat.

Há informações de descarrilamento de trens, rompimento de adutoras e cortes no fornecimento de energia elétrica.

Veja cronologia de terremotos na Índia



 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Smart TV Smart TV Diversas ofertas a partir de R$ 856,11

Notebook Notebook Trabalhe, estude, jogue, a partir de R$ 769,00

Celulares | Tênis | Mais...

Voltar ao topo da página