Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
05/10/2005 - 18h37

Após reunião, líderes demonstram confiança em coalizão na Alemanha

Publicidade

da Folha Online

A líder do partido conservador alemão CDU (União Democrata Cristã), Angela Merkel, e o atual chanceler do país, Gerhard Schröder, demonstraram otimismo nesta quarta-feira sobre um acordo entre os partidos rivais para a formação de um governo de coalizão.

Após uma reunião que durou duas horas e meia, Merkel pareceu mais confiante em um acordo do que estava logo após as eleições, ocorridas em 18 de setembro último.

A votação não deu nem à CDU nem ao SPD votos suficientes para formarem um governo em parceria com um dos partidos minoritários alemães, forçando ambos a tentarem um acordo entre si.

"Estou mais otimista que pessimista", afirmou Merkel à imprensa. "Em relação a assuntos políticos de maior importância, acredito que poderei recomendar a meu partido que entre em sérias negociações para uma coalizão."

Schröder, que falou pouco depois de Merkel, também se mostrou confiante. "As conversas mostraram que existe uma base para a formação de uma grande coalizão", afirmou o chanceler.

Crise

O teor dos comentários pode apontar para o desfecho de uma crise política que paralisa o país há duas semanas e meia, quando nenhum dos dois partidos obteve maioria no Parlamento nas eleições.

Além da crise política, a Alemanha enfrenta problemas como baixo crescimento econômico e desemprego.

Nesta quinta-feira, os dois líderes devem participar de uma nova reunião, da qual se espera uma decisão sobre a liderança do próximo governo, segundo fontes da CDU. A questão é controversa, já que tanto Schröder quanto Merkel reivindicam a Chancelaria para si.

Além dos dois líderes, participarão da reunião o presidente do Partido Social-Democrata (SPD), Franz Müntefering, e o líder bávaro, Edmund Stoiber.

Com agências internacionais

Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre Gerhard Schröder
  • Leia o que já foi publicado sobre Angela Merkel
  • Leia cobertura completa sobre as eleições na Alemanha
  • Leia o que já foi publicado sobre as eleições legislativas alemãs
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página