Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
21/07/2005 - 19h53

Polícia prende dez jovens acusados de tráfico e apologia a drogas no Orkut

Publicidade

da Folha Online

Dez jovens de classe média alta foram presos nesta quinta-feira sob acusação de participarem de uma quadrilha que vendia drogas em boates e festas no Estado do Rio de Janeiro. Segundo a polícia, eles usavam o site de relacionamentos Orkut para fazer apologia ao uso de entorpecentes.

Os acusados foram identificados como Tiago de Vasconcelos Tauil, 23, Bruno Marine Mendes da Silva, 25, Rodrigo Alvarenga dos Santos, 25, Enrique Dário Shiff, 27, Guilherme Caldeira Dal Bello, 25, André Kohler Archieles, 26, Amon de Magalhães Veslaco Lemos, 19, Giovani Arnaud Niucastro, 24, Aniello Caputo Filho, 29, e Gérson da Silva Castanheira, 27.

Durante a operação, policiais do SRE-Niterói (Serviço de Repressão a Entorpecentes) apreenderam uma pistola e três quilos de maconha. Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Rio, os acusados vendiam principalmente ecstasy, LSD e metanfetaminas.

"Como a Internet é uma das ferramentas utilizadas por eles para fazer a divulgação da droga, um inquérito, por apologia ao crime, está sendo instaurado na Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática", disse Álvaro Lins, chefe da Polícia Civil do Estado.

De acordo com Lins, o responsável pelo site Orkut no país será chamado para interrogatório. "Não é possível manter um site como esse no ar, no Brasil, sem ter o controle do que está sendo divulgado. Os responsáveis serão chamados para depor, para individualizar a responsabilidade de cada um e haver o indiciamento".

Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre o Orkut
  • Leia o que já foi publicado sobre apreensão de drogas
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página