Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
10/10/2005 - 13h39

Estudo mostra que alimentação balanceada evitaria até 260 mil mortes

Publicidade

da Folha Online

Um estudo do Ministério da Saúde que será lançado na próxima semana revela que até 260 mil mortes poderiam ser evitadas, todos os anos, se o brasileiro tivesse uma alimentação equilibrada.

O "Guia Alimentar para a População Brasileira" mostra que a alimentação vem mudando no Brasil. Segundo o Ministério da Saúde, até o arroz com feijão é cada vez menos consumido, sendo substituído por refeições prontas e misturas industrializadas, que aumentaram sua participação em 82% na dieta do brasileiro. O consumo de refrigerantes também aumentou em 400%.

O estudo também mostra que estas novas formas de alimentação não dão conta de suprir as necessidades nutricionais do corpo. O guia relaciona o aumento de doenças crônicas, que atingiam 34,4% do total da população em 1979, mas em 2003 afetavam 48,3% da população à mudança alimentar.

Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre alimentação balanceada
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página