Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
11/08/2003 - 21h13

Eduardo Fischer conquista 1ª medalha da natação brasileira no Pan

da Folha Online

O nadador catarinense Eduardo Fischer terminou em terceiro nos 100 m peito e conquistou nesta segunda-feira a primeira medalha da natação brasileira nos Jogos Pan-Americanos de Santo Domingo (DOM).

Fischer cravou o tempo de 1min01s88, ficando atrás dos norte-americanos Mark Gangloff, que ficou com a medalha de ouro (1min00s95), e Jarrod Marrs, prata, com o tempo de 1min01s71.

Com a marca obtida na final, Gangloff quebrou o recorde pan-americano da prova, que pertencia a seu compatriota Glenn Moses, que nos Jogos de Winnipeg-99 cravou 1min00s99.

Fischer, por sua vez, quebrou o recorde sul-americano e ainda atingiu o índice para os Jogos Olímpicos de Atenas-2004. O recorde anterior pertencia ao próprio atleta (1min02s33). O índice era de 1min01s92.

"Espero que esse resultado sirva de motivação aos outros nadadores para superarmos o número de medalhas de Winnipeg", disse, em referência aos 15 pódios que o país obteve na madalidade há quatro anos.

Os EUA também ganharam ouro nos 100 m livre feminino. Courtney Shealy venceu a prova com 55s61, superando sua compatriota Christina Marie Swindle e a argentina Florencia Szigeti, que dividiram a prata (55s92).

Nessa prova, Flávia Delaroli ficou na quarta colocação, com o tempo 56s41. A outra nadadora do país que disputou a final, Rebeca Gusmão, terminou no sétimo lugar, com a marca de 57s43.

Especial
  • Perfil da delegação brasileira de natação
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Geladeiras Geladeiras Frost Free, Duplex, a partir de R$ 862,20

    TV TV LED, 3D, FULL HD e Smart a partir de R$ 399,90

    Home Theater | Tênis | Mais...

    Voltar ao topo da página