Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
24/11/2009 - 16h30

Rali Dacar pode voltar a ser realizado na África em 2011

Publicidade

da Efe, em Paris

A organização do Rali Dacar cogitou, durante a apresentação da 32ª edição da competição, que começará em Buenos Aires no dia 1º de janeiro de 2010, voltar a realizar a corrida no continente africano a partir de 2011.

Em 2008, o Dacar foi cancelado por causa de ameaças terroristas na Mauritânia, país que recebia a maior parte do percurso. A edição do ano seguinte foi na Argentina e no Chile, que sediarão novamente a competição em 2010.

"Trabalhamos há alguns meses com a possibilidade de voltar à África", disse Etienne Lavigne, diretor da prova.

A intenção da organização é levar a competição para a região leste do continente africano e não na parte oeste, onde o rali era realizado.

Lavigne afirmou que nada está fechado e que não descarta disputar o rali na América do Sul, mas garantiu que as eleições presidenciais chilenas tornam as coisas "mais complicadas".

"Temos uma carta de candidatura do governo argentino formal para voltar a receber o Dacar em 2011. Mas no Chile há eleições presidenciais e é um pouco mais complicado", disse.

O diretor da prova indicou que não houve problemas com a organização do rali na América, mas que prefere ter mais opções.

"Gostaríamos de ter a possibilidade de alternar entre os dois continentes [África e América], ou até mesmo ir a outros. Demonstramos que podemos fazer esta corrida em cenários diferentes, e isso é algo extraordinário."

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página