Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
15/02/2007 - 11h57

Exposição na Oca traz corpos humanos reais "plastificados"

Publicidade

da Folha Online

Prepare-se. Uma semana após o fim do Carnaval, será inaugurada na Oca do parque Ibirapuera uma exposição com cadáveres de verdade. Polêmica, "Corpo Humano: Real e Fascinante" abre para o público em 1º de março com ingresso salgado: R$ 30. Sob protestos, mostra semelhante foi inaugurada em 2001, em Berlim (Alemanha).

Divulgação
Exposição abre para o público dia 1º de março; veja mais fotos
Exposição abre para o público dia 1º de março; veja mais fotos
A mostra estará no primeiro andar da Oca, que receberá em seu subsolo, na mesma época, a exposição "Leonardo da Vinci - A Exibição de um Gênio". Quem comprar ingresso para um terá desconto de 20% no outro evento.

"Corpo Humano: Real e Fascinante" terá em São Paulo 16 cadáveres de homens e mulheres e 225 órgãos dissecados --em Nova York, foram 22 corpos, incluindo fetos, e 260 órgãos. Inglaterra, Coréia do Sul, México e Holanda já abrigaram a exposição, criada por Roy Glover, professor de anatomia e biologia celular da Universidade de Michigan.

Divulgação
Tecidos dos cadáveres passaram por processo especial; veja galeria
Tecidos dos cadáveres passaram por processo especial; veja galeria
Os tecidos dos cadáveres passaram por um processo que lhes deu aparência e textura de plástico. Chamado polimerização, o procedimento foi supervisionado por Glover (também diretor-chefe do Laboratório de Preservação Polímera da universidade) e realizado em diversas etapas.

Os corpos foram inicialmente embalsamados para preservação dos tecidos. Depois passaram por uma desidratação por imersão em acetona. A substância preencheu o corpo no lugar dos líquidos corporais e foi posteriormente eliminada como vapor em uma câmara a vácuo. Em seu lugar, foi aplicada uma solução de polímeros em silicone líquido. A finalização do processo se deu com a aplicação de um composto que enrijece o silicone, dando aos tecidos uma consistência plástica.

O procedimento permite selecionar as cores desejadas para cada parte do corpo, que se torna inodoro, e garante longa durabilidade aos tecidos.

Setores

Divulgação
Público poderá tocar em determinadas peças da exposição
Público poderá tocar em determinadas peças da exposição
O público poderá tocar em determinadas peças da exposição, que será dividida em nove setores. O primeiro é "Esqueleto", com a estrutura óssea dos humanos e suas mais de cem juntas. Os sistemas muscular, nervoso, respiratório, digestivo, urinário, reprodutor e circulatório também têm seus espaços.

Já o setor "O Corpo Tratado" mostra a preservação de um corpo saudável graças aos avanços das pesquisas médicas e tecnológicas, com destaque para próteses e equipamentos que auxiliam os médicos na sala de cirurgia.

Divulgação
Mostra criou polêmica no exterior; confira galeria de fotos
Mostra criou polêmica no exterior; confira galeria de fotos
Polêmica

No exterior, a utilização de corpos humanos em uma exposição não foi o único motivo para polêmica. Houve discussões sobre a origem dos cadáveres, fornecidos pela Escola Universitária de Medicina de Dalian (norte da China) --chegaram a ser levantadas especulações, nunca comprovadas, de que os corpos seriam de criminosos executados.

Os organizadores afirmam que os corpos são de pessoas que tiveram morte natural e em vida optaram por participar de um programa de doação em benefício da ciência e da educação na China.

"Corpo Humano: Real e Fascinante"
Quando: inauguração para convidados em 28 de fevereiro. Abertura para o público em 1º de março. Segunda a sexta-feira, das 9h às 19h. Sábado, domingo e feriado, das 10h às 20h. Não há data definida para o término da exposição
Onde: 1º andar da Oca no pq. Ibirapuera (av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, portão 3, tel. 0/xx/11 6846-6000).
Quanto: R$ 30. Meia-entrada: R$ 15. Grátis para crianças até 2 anos. Crianças de 3 a 6 anos pagam meia-entrada. Menores de 12 anos entram somente acompanhados por responsável
Informações: exposicaocorpohumano.com.br

Pontos de venda
Sem taxas: na bilheteria da Oca, somente a partir de 26 de fevereiro
Com taxa de conveniência: Citibank Hall, Teatro Abril, Fnac Pinheiros, Paulista, Morumbi e Campinas, Cia Athletica de Campinas, Saraiva Mega Store (shoppings Morumbi, Eldorado e Ibirapuera), loja AM/PM do posto Ipiranga Gravatinha (Santo André), Livraria Siciliano (r. Cardoso de Melo, 630)
Com taxa de conveniência e de entrega: Ticketmaster (0/xx/11 6846-6000)

Leia mais
  • Megaexposição em SP mostra Da Vinci como o pai das invenções

    Especial
  • Veja imagens da exposição montada na Alemanha em 2001
  • Leia o que já foi publicado sobre a Oca
  • Leia o que já foi publicado sobre embalsamento
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página