Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
08/10/2002 - 09h46

Saiba mais sobre Che Guevara

IANA COSSOY PARO
da Folha Online

Che Guevara nasceu no dia 14 de junho de 1928 em Rosário, Argentina. Em 1952, quando ainda era estudante de medicina, fez uma viagem por países latino-americanos (Chile Peru, Colômbia e Venezuela), com seu amigo Alberto Granado.

Sensibilizou-se com a miséria, acreditando na via revolucionária como elemento de transformação. Na Guatemala, para onde foi em 1953, já médico, colaborou no governo democrático e reformista de Jacobo Arbenz, que afetou interesses norte-americanos e foi derrubado por um golpe elaborado pela CIA (inteligência dos EUA).

Exilado no México em 1955, Guevara conheceu um grupo de cubanos que tentara derrubar o ditador Fulgencio Batista, aliado dos EUA. Foi então que ganhou o apelido Che, participando dos planos revolucionários dos irmãos Fidel e Raúl Castro.

Folha Arquivo
Imagem de Che Guevara (1928-1967) registrada pelo fotógrafo cubano Alberto Korda em 1960 e divulgada no mundo todo após a morte do líder revolucionário


Em 1956, o grupo desembarcou em Cuba e organizou uma guerra de guerrilhas na Sierra Maestra, que culminou em 1959 na queda de Batista. Foi o início da Revolução Cubana, que iniciou um amplo programa de reformas. Che Guevara chegou a dirigir o Banco Nacional e o Ministério da Indústria de Cuba.

O líder revolucionário esteve no Brasil em 1961, quando foi condecorado pelo então presidente Jânio Quadros.Em 1965, saiu de Cuba para participar de guerrilhas de esquerda na África e na América Latina. Em novembro de 1966 chegou a La Paz (capital boliviana) com o nome de Adolfo Mena González e passaporte uruguaio. Acabou sendo morto no país, em 1967. Mais tarde, investigações mostraram que houve participação ativa da CIA e de militares americanos na caça a Guevara.Seus restos mortais só foram encontrados em 1997, em uma vala comum.

Leia mais:
  •  Morte de Che Guevara completa 35 anos hoje

  •  Cuba presta homenagem ao 35º aniversário de morte de Che Guevara

  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página