Saltar para o conteúdo principal Saltar para o menu
 
 

Lista de textos do jornal de hoje Navegue por editoria

Ribeirão

  • Tamanho da Letra  
  • Comunicar Erros  
  • Imprimir  

Nail bar transforma manicures em 'designers de unha' formais

DE RIBEIRÃO PRETO

Os bares de unha' estão revolucionando não apenas os serviços, mas também na contratação de manicures, que têm carteira assinada.

Geralmente, os salões de beleza terceirizam os serviços das manicures, que são responsáveis até por seus próprios materiais de trabalho, como os esmaltes.

"De simples manicures, as profissionais se aperfeiçoam e se tornam verdadeiras designers de unha", disse Mariana Marasca, proprietária da Esmalteria Nacional, de Ribeirão Preto.

Além de estabilidade, o vínculo empregatício proporciona que as profissionais tenham plano de carreira e possam se especializar na profissão ou até mesmo abrir o próprio negócio de beleza.

"Se comparado com cabeleireiro, o serviço de unha é o que dá mais movimento em um salão. Este é um nicho a ser explorado", disse a consultora de franchising, Manuela Abrahão.

Isso porque, segundo ela, geralmente as mulheres vão à manicure toda semana. "[As mulheres] cortam o cabelo em espaço de tempo maior, mas as unhas precisam estar sempre em dia", disse.

Para Manuela, os nail bares' devem estimular as profissionais a buscarem, de forma constante, especializações na área da beleza.

"É o negócio do momento, mas só continuará com as portas abertas aquele que, constantemente, se estruturar e focar no serviço que está sendo prestado, com qualidade", disse a consultora.

Raquel Batista, 24, já se tornou conhecida como designer de unha, principalmente depois que começou a trabalhar em um nail bar.

"Estou antenada às novidades, ao que as famosas usam e até as tendências fora do Brasil", disse ela.


Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página