Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
14/05/2004 - 00h56

Ex-detentos denunciam abusos em Guantánamo

Dois britânicos que foram mantidos prisioneiros na base de Guantánamo, em Cuba, escreveram uma carta ao presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, dando detalhes sobre supostos maus-tratos a que foram submetidos.

Na mensagem aberta, Shafiq Rasul e Asif Iqbal disseram que eles foram humilhados e que guardas usaram luzes estroboscópicas, cães e música alta --especialmente a do rapper Eminem-- para tentar extrair deles informações.

Oficiais militares americanos em Guantánamo negaram as acusações. "Nós nunca empregamos nenhuma dessas técnicas", disse um porta-voz à agência de notícias Associated Press.



Continua...
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página