Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
01/08/2006 - 11h27

Biscaia diz ser contra convocação de ex-ministros da Saúde

Publicidade

FELIPE RECONDO
da Folha Online, em Brasília

O presidente da CPI dos Sanguessugas, Antonio Carlos Biscaia (PT-RJ), repetiu nesta terça-feira ser contrário à convocação dos ex-ministros da Saúde para explicarem a participação do Executivo na máfia das ambulâncias.

Na avaliação do presidente da CPI, a convocação dos ex-ministros promoveria disputas entre governo e oposição e poderia prejudicar o rumo das investigações.

Os oposicionistas querem convocar os ex-ministros do governo Luiz Inácio Lula da Silva --Saraiva Felipe e Humberto Costa. Os governistas pretendem convocar José Serra, ex-ministro do governo Fernando Henrique Cardoso.

"A minha posição não é favorável neste momento", afirmou Biscaia. "Mas se houver necessidade, isso será feito no momento adequado", completou.

Nesta segunda-feira, o relator da CPI, senador Amir Lando (PMDB-RO), decidiu criar uma sub-relatoria destinada a investigar o Executivo. Os responsáveis pela investigação definiriam quem deveria depor à comissão parlamentar.

O senador Romeu Tuma (PFL-SP), ao contrário dos demais oposicionistas, apresentou requerimento para convocar os três ex-ministros --Saraiva, Humberto Costa e José Serra.

Especial
  • Leia a cobertura completa sobre a máfia das ambulâncias
  • Leia a cobertura completa sobre a crise em Brasília
  • Enquete: os partidos devem expulsar os parlamentares citados na lista da CPI dos Sanguessugas?
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página