Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
16/08/2006 - 17h07

Oposição vai processar Okamotto por falso testemunho

Publicidade

GABRIELA GUERREIRO
da Folha Online, em Brasília

Partidos de oposição vão ingressar amanhã no Ministério Público Federal com representação contra o presidente do Sebrae, Paulo Okamotto, por falso testemunho. PSDB, PFL e PPS acusam Okamotto de ter mentido em depoimento à CPI dos Bingos em abril deste ano sobre o pagamento da dívida de R$ 29,4 mil do presidente Luiz Inácio Lula da Silva com o PT.

Segundo parlamentares da oposição, Okamotto e o presidente Lula apresentaram versões opostas sobre o empréstimo. Em entrevista ao "Jornal Nacional", na semana passada, o presidente relatou conversa com Okamotto na qual disse que Okamotto poderia pagar a dívida com o PT, porque ele não tinha débitos com o partido.

Já Okamotto afirmou à CPI dos Bingos que não informou o presidente sobre o suposto pagamento, mas se responsabilizou pela dívida, registrada na prestação de contas do partido.
O presidente do PSDB, Tasso Jereissati, disse que Okamotto mentiu ao Senado Federal, e por isso deve responder ao Ministério Público.

"Foi um crime. Ele jurou aqui que diria a verdade, e seu colega o contradiz. Ele precisa se explicar. Nos Estados Unidos, mentira é o crime mais grave contra o presidente da República. Isso tem sido feito aqui no Brasil todos os dias", afirmou Tasso.

Depoimento na CCJ

O PSDB também vai apresentar à Comissão de Constituição e Justiça do Senado requerimento para que Paulo Okamotto preste novo depoimento aos senadores. A oposição quer ouvir as explicações do presidente do Sebrae sobre as versões contraditórias a respeito do empréstimo.
Como a CPI dos Bingos foi encerrada, a oposição argumenta que a CCJ seria o foro apropriado para ouvir o presidente do Sebrae.

O senador Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA), presidente da CCJ, assumiu hoje no plenário do Senado o compromisso de colocar o requerimento em votação na primeira semana de setembro, durante esforço concentrado do Congresso.

Especial
  • Leia a cobertura completa sobre a crise em Brasília
  • Leia o que já foi publicado sobre a CPI dos Correios
  • Enquete: os partidos devem expulsar os parlamentares citados na lista da CPI dos Sanguessugas?
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página