Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
30/08/2006 - 13h10

Em velório, Lula ressalta grandeza de "companheiro" dom Luciano

Publicidade

da Folha Online

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva prestou homenagem nesta quarta-feira ao arcebispo de Mariana (MG), dom Luciano Mendes de Almeida, que morreu no último dia 27 aos 75 anos em razão de um câncer de fígado.

Em discurso durante seu velório, na cripta da Catedral Basílica de Nossa Senhora da Assunção, em Mariana, Lula ressaltou a grandeza de dom Luciano em sua luta pela democracia e pelos direitos humanos.

"Eu não acredito que tenha um único brasileiro ou brasileira que tenha lutado em defesa das crianças, em defesa dos direitos humanos, em defesa da liberdade e da democracia, que não tenha tido dom Luciano como referência", disse o presidente.

Segundo Lula, as idéias de dom Luciano, "nos empurrando para fazermos as coisas certas", são eternas e vão continuar na cabeça de cada brasileiro. "Homens como dom Luciano não morrem", afirmou o petista.

Para o presidente, todo o povo brasileiro teve em dom Luciano um companheiro. "Eu digo sempre para as pessoas: irmão a gente não escolhe, mas companheiro a gente escolhe, e eu acho que o povo brasileiro, há muitos anos, escolheu Dom Luciano como companheiro."

Especial
  • Leia o que já foi publicado sobre dom Luciano
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página