Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
08/09/2006 - 18h42

PGR envia parecer contra os registros de candidaturas de Gripp e Baltazar

Publicidade

da Folha Online

A PGR (Procuradoria Geral da República) encaminhou ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral) pareceres contra os registros das candidaturas à Câmara Federal pelo Rio de Janeiro de Paulo Baltazar (PSDB) e Reinaldo Gripp (PL).

Gripp e Baltazar tiveram os registros de suas candidaturas negados pelo TRE-RJ (Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro) por suposto envolvimento na máfia dos sanguessugas e recorreram ao TSE para tentar garantir os registros. O julgamento dos recursos dos dois candidatos foi suspenso na última terça-feira por falta dos pareceres da PGR e deve ser retomado na próxima sessão do tribunal, na próxima semana.

Nos recursos encaminhados pelos candidatos ao TSE, Baltazar e Gripp apontam que o relatório da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) das Sanguessugas, usado pela Justiça Eleitoral na negativa dos registros das candidaturas, é parcial e que os depoimentos prestados não são verdadeiros.

A legislação prevê inelegibilidade de candidatos em caso de sentenças que tiveram trânsito em julgado e nas quais não caiba mais recursos. Nas negativas de registro dos dois candidatos, a Justiça Eleitoral alega falta de probidade e problemas na vida pregressa deles.

"No caso concreto, o registro de participação dos candidatos no esquema de corrupção que está sendo apurado pela CPI das Sanguessugas compromete suas reputações, inabilitando-os ao exercício do cargo de deputado federal", alega a PGR no parecer enviado ao TSE.

Especial
  • Leia cobertura completa das eleições 2006
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página