Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
07/11/2002 - 09h11

Restaurante Roperto chega aos 60 com massas vigorosas

Publicidade

JOSIMAR MELO
colunista da Folha

Entre os restaurantes que reúnem gastronomia e testemunho da história da cidade, está a cantina Roperto, que completa 60 anos, sempre nas mesmas vizinhanças e -mais importante- sempre nas mãos da mesma família, que lhe garante um sólido fio de continuidade.

Não se trata de um marco puramente museológico: o movimento febril do restaurante, as esperas nos horários de pico, nos fins de semana, mostram que ele vem sendo tocado com competência, mantendo-se no gosto do público, mesmo não tendo sofrido qualquer mudança que atualizasse seu cardápio ou serviço pelo menos nos últimos 30 anos.

Fundada em 1942, na mesma rua 13 de Maio onde está hoje, pelo filho de imigrantes Humberto Roperto (que, aos 91 anos, continua na ativa), a cantina mudou-se para a avenida Brigadeiro Luís Antônio (em 1945), voltou para a rua original (em 54) e se moveu alguns metros, no mesmo lado da calçada, em 1971. Hoje, tem à frente os três filhos do fundador -Afonso, 68, administrador; Ronaldo, 66, responsável pela cozinha; e Humberto, 51, no salão.

A casa que hoje sedia a Roperto é antiga, lembra as construções da região no começo do século passado; o salão do primeiro andar é revestido de lambris, e frascos empalhados de vinho italiano pendem do teto. A atmosfera já vale a visita.

Quanto à cozinha, é o testemunho da cultura cantineira do bairro ao redor: não há a sofisticação dos detalhes que hoje se encontra nos melhores restaurantes (o molho à bolonhesa usa carne moída, não picada; o pesto é feito com óleo de soja, não azeite extravirgem; o cabrito, prato de resistência, é cortado aleatoriamente, com pedaços onde só há gordura e não carne).

Mas a sardela é picante; as massas frescas, de produção própria, são banhadas por molhos em profusão, alguns vigorosos, como sugo e puttanesca. E, mesmo não sendo feito com vitela, o filé à parmigiana satisfaz um batalhão.

Avaliação: regular
Restaurante: Roperto
Endereço: r. 13 de Maio, 634, Bela Vista, região central, SP, tel. 0/xx/11/ 288-2573
Horário: de seg. a sex.: 11h30/15h30 e 19h/1h; sáb. e dom.: 11h30/1h
Quanto: entradas: de R$ 3,50 a R$ 20; pratos principais: de R$ 19 (duas pessoas) a R$ 52 (três); sobremesas: de R$ 3 a R$ 8
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página