Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
24/06/2005 - 15h35

Sem querer, "Pânico" surgiu na Jovem Pan e virou febre na TV

Publicidade

da Folha Online

O "Pânico na TV" estreou na Rede TV! no dia 28 de setembro de 2003, após o sucesso do "Pânico" na rádio Jovem Pan. Hoje, oito pessoas integram o grupo de humoristas: Emilio Surita, líder da trupe, Bola (Marcos Chiesa), Carioca (Márvio Lúcio), Mendigo (Carlos Alberto da Silva), Zé Fofinho (Vinícius Vieira), Ceará (Wellington Muniz), Repórter Vesgo (Rodrigo Scarpa) e Sabrina Sato.

Eduardo Knapp/Folha Imagem
"Pânico" faz sucesso com "jornalismo-deboche"
"Pânico" faz sucesso com "jornalismo-deboche"
O "Pânico" da Jovem Pan começou por brincadeira. Segundo o site do programa, Emílio Surita e Bola atendiam aos ouvintes de forma irreverente e, "sem querer", o estilo acabou virando formato. Em quase oito anos no ar, novos personagens foram criados e incorporados ao grupo --o "Pânico" pode ser ouvido de segunda a sexta-feira, sempre ao vivo, e aos sábados (melhores momentos).

Na rádio, os humoristas fazem entrevistas com famosos --com perguntas nada discretas e sem poupar o convidado-- e colocam ouvintes no ar, sem censura. Na TV, com uma platéia de 150 pessoas, eles tentam invadir festas de famosos, entrevistar artistas decadentes --e claro zombar do fato--, falar com famosos e calçar as "Sandálias da Humildade" nos famosos tidos como arrogantes.

Antes da estréia na TV, porém, as câmeras já não eram novidade para o grupo. Isso porque, em setembro de 2002, o "Pânico" começou a transmitir o programa de um estúdio multimídia, montado dentro da Jovem Pan, permitindo que os internautas assistissem à atração.

Naquela época, o dono da Jovem Pan, Antonio Augusto Amaral de Carvalho Filho (Tutinha) e a diretora do programa na rádio, Renata Neves-Molliet, já idealizavam a transposição para a telinha. Vários quadros da rádio foram adaptados para o vídeo, mantendo-se as sátiras, trotes, comentários de notícias, e novos modelos foram incorporados, como reportagens fora do estúdio e uso das imagens do "Pânico" da Jovem Pan no "Pânico na TV".

Hoje, a versão televisiva semanal do show já é o programa mais assistido da Rede TV! --apesar do horário concorrido de domingo, início de noite, já que Faustão e Gugu são âncoras do horário há anos.

Leia mais
  • Fracassa tentativa do SBT de tirar "Pânico" da Rede TV!

    Especial
  • Enquete: O que é mais legal no "Pânico"?
  • Leia o que já foi publicado sobre o "Pânico na TV"
  •  

    Publicidade

    Publicidade

    Publicidade


     

    Voltar ao topo da página