Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
22/11/2005 - 15h11

Gripe aviária pode provocar hepatite e falência renal

Publicidade

da Folha Online

A gripe aviária provocada pelo vírus H5N1 é transmitida de animais para humanos pelo ar [secreções respiratórias] e pelo contato com fezes e sangue dos animais contaminados. Mas é preciso uma quantidade muito grande de vírus para que um ser humano seja infectado.

Há risco de contaminação quando o vírus entra em contato com mucosa [como nariz, olhos e boca], por meio da respiração e da ingestão de carne mal cozida ou do sangue de animais doentes.

O consumo de carne previamente congelada e bem cozida não oferece risco de contaminação.

A pessoa infectada tem sintomas parecidos aos da gripe comum. Após entrar no corpo humano, o vírus H5N1 se dirige ao pulmão. Depois, rins e fígado também são afetados, o que pode levar o paciente a sofrer falência renal e hepatite. Em casos mais graves, a vítima pode morrer em cinco dias.

Veja como o vírus H5N1 age no corpo humano:



 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página